2 eventos ao vivo

Filha de Kelly Key fez progressiva pela 1ª vez aos 5 anos

Em desabafo no Stories, nesta terça-feira (16), Suzanna Freitas disse sofreu bullying por causa dos cachos: "Já fui chamada de 'poodle'"

17 out 2018
11h00
atualizado às 13h12
  • separator
  • comentários

Suzanna Freitas, filha de Kelly Key, revelou que começou a alisar o cabelo ainda na infância, assim como Ludmilla, por causa de comentários negativos sobre os cachos.

Suzanna Freitas, filha de Kelly Key, revelou que fez progressiva no cabelo aos 5 anos após sofrer bullying
Suzanna Freitas, filha de Kelly Key, revelou que fez progressiva no cabelo aos 5 anos após sofrer bullying
Foto: AGNews / PurePeople

A adolescente detalhou o bullying sofrido quando era criança em um desabafo no Stories nesta terça-feira (16). "A minha primeira progressiva no cabelo foi aos 5 anos de idade. Na época, não existia a aceitação que hoje a gente tem, não tinha feminismo. Quando eu era menor, não tinha isso do 'você é linda do jeito que você é', até porque a internet não era muito 'a internet' na época que eu era mais nova. Não existia muito essa participação de 'cabelos minoria', como cabelos chacheados ou crespos. Querendo ou não, os cabelos lisos são maioria. Como os cabelos lisos eram 'mais bonitos', eu achava o meu feio. Hoje eu consigo ver que o meu cabelo era bonito, mas ninguém me falava".

Jovem lembra de bullying: 'Fui chamada de poodle'

A estudante de Moda, reconhecida como filha de Mico Freitas, lembrou o bullying e lamentou que precisou se preocupar com a aparência ainda na infância.  "Eu já sofri bullying por causa do cabelo porque ele era muito cacheado. Os cabelos das minhas amigas sempre foram lisos. Já fui chamada de 'poodle'. Como minha vó era dona de salão, eu fiz minha primeira progressiva. Isso tudo começou por uma questão de bullying mesmo. Criança quando sofre bullying, quando vê que é 'minoria', começa a se sentir inferior e quer mudar. Eu não tenho mais vontade de deixar ele cacheado como antes. Mas eu queria não ter me importado com isso tão cedo. Talvez se fosse uma decisão minha, mais para frente, isso faria com que eu fosse uma criança mais leve. Antes de eu fazer progressiva, eu fazia escova no meu cabelo e não entrava na piscina".

Estudante não liga para críticas à aparência: 'Enfrentei'

A namorada do youtuber Gabriel Simões disse que passou por uma transição capilar aos 8 anos, mas voltou a alisar os fios após comentários de fãs da mãe: "A internet estava virando internet e eu lia comentários do tipo 'Kelly, sua filha é horrorosa', 'cuida do cabelo da sua filha'. Tanto que até os meus 13 anos o meu Instagram era privado. Mas antes disso a minha mãe não queria que eu fosse uma pessoa pública porque ela achava que eu não ia conseguir lidar com os comentários. Eu era muita nova. A melhor decisão que tomei foi não ligar para críticas. É lógico que sofri. Mas enfrentei e até hoje é meio difícil não me irritar com algumas coisas".

Veja também:

 

PurePeople

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade