0

Covid-19: crise faz Naiara Azevedo demitir 140 funcionários

Sem condições de manter os funcionários, a empresa de Naiara Azevedo demitiu 140 funcionários registrados

8 abr 2020
19h10
atualizado em 9/4/2020 às 10h24
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

A pandemia do novo coronavírus deixou o mundo em alerta e mudou a rotina de muitos artistas. A crise econômica causada pela doença e a ausência de eventos por conta da quarentena afetou diretamente o mercado de entretenimento: a empresa de Naiara Azevedo, por exemplo, precisou demitir alguns funcionários registrados. "Nós temos 140 colaboradores aqui. Ninguém se preparou para essa paralisação. Fomos um dos primeiros a parar nessa quarentena. Tenho funcionários que trabalham comigo há mais de 6 anos e eu jamais daria as costas para alguém", afirmou Rafael Cabral, empresário e marido da cantora, ao colunista Leo Dias.

Naiara Azevedo demitiu 140 funcionários por causa da crise econômica causada pelo coronavírus
Naiara Azevedo demitiu 140 funcionários por causa da crise econômica causada pelo coronavírus
Foto: Divulgação, TV Globo / PurePeople

Naiara Azevedo pretende recontratar equipe

Rafael explicou que fez um "acordo" com todos e disse que pretende recontratar a equipe em breve. "O que eu fiz foi chamar todos os funcionários e fazer um acerto com eles da melhor maneira possível. Em agosto ou setembro, devemos voltar, e eu vou contratá-los de volta. 100% dos nossos funcionários são CLT. Terão direito a FGTS, seguro-desemprego e mais o acordo que fizemos. Empresa nenhuma conseguirá pagar tudo isso de funcionário sem trabalhar", comentou.

Empresário demonstra preocupação com demissões

Rafael relatou como deu a notícia aos funcionários. "Chamei todos, um por um. Tive atenção. Estou no escritório agora. Falta falar com 40 ainda. Não tenho condições de mantê-los sem a previsão de novos shows. Precisei tomar essa medida", esclareceu o empresário. Rafael destacou ainda que a NA Produções não há apenas a Naiara como artista: eles representam também Humberto e Ronaldo, Ícaro e Gilmar e Gabriel Gava. "A Naiara está levando a culpa porque é a maior artista, mas estamos falando de uma empresa que cuida também de outros artistas. A empresa toda está sofrendo com essa crise", garantiu.

Gusttavo Lima diz que manterá funcionários

Os shows de Gusttavo Lima também foram suspensos. Responsável por bater recorde de views e mudar conceito de live, o cantor falou que manterá funcionários e pagará salários mesmo com o isolamento. "É hora de agirmos como ser humanos. Não vou deixar meus funcionários na mão. Não vou demitir ninguém, nem reduzir o salário de nenhum funcionário. Eu tenho cerca de 50 pessoas que viajam comigo e outras 50 nas minhas empresas, e tudo permanecerá igual", declarou o "embaixador", que superou Beyoncé e fará outro show on-line para entreter os fãs durante este período difícil.

(Por Patrícia Dias)

Veja também:

Maiara filma Fernando cozinhando de cueca e se derrete: 'Coisa linda dessa'
PurePeople
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade