2 eventos ao vivo

"Machista e preconceituoso", diz Anitta para hater

Cantora discutiu com internauta, no Twitter, após ser chamada de 'prostituta' nesta quinta-feira (18).

18 mai 2017
13h01
atualizado às 13h33
  • separator
  • comentários

No mesmo dia em que lançou a parceria com Iggy Azalea, Anitta se envolveu em uma discussão com um internauta após ser chamada de "prostituta", no Twitter, nesta quinta-feira (18). Tudo aconteceu depois da cantora comentar a situação política no Brasil depois da notícia sobre o presidente Michel Temer ter sido gravado dando aval para comprar o silêncio de Eduardo Cunha, ex-presidente da Câmara, preso na Operação Lava Jato. "Como disse um amigo.. M**** é adubo! Que usemos as m***** de hoje para nosso crescimento amanhã. Rezando pelo nosso País", escreveu.

A cantora foi elogiada por sua posição e um fã chegou a brincar perguntando se ela pensava em se candidatar à Presidência, mas um hater logo se pronunciou. "Larga de ser burro. Lógico que não. Só se for pra acabar ainda mais com nosso País. Ela nada mais é que uma prostituta", disparou o internauta. Anitta não ficou quieta e rebateu o comentário: "se prostituir no Brasil não é ilegal. Uma prostituta pode ser mais honesta, estudada e competente que um adolescente machista e preconceituoso".

PurePeople

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade