1 evento ao vivo

Alice Wegmann desabafa sobre tentativa de estupro em série

1 mai 2018
10h05
atualizado às 16h26
  • separator
  • 0
  • comentários

No ar como a Maria da supersérie "Onde Nascem os Fortes", Alice Wegmann foi elogiada nas redes sociais pela atuação na cena de tentativa de estupro da personagem e desabafou sobre a gravação em seu Instagram, nesta terça-feria (1), e fez um alerta sobre a violência contra as mulheres no Brasil: "agradeço muito as mensagens carinhosas. Me doei inteira pra essa cena e é bom ver o quanto valeu a pena. Mas enquanto escrevo esse texto, pelo menos uma mulher é estuprada no Brasil. A cada onze minutos isso acontece, segundo as estatísticas. Não acho que matar o responsável é a solução; o que aconteceu com o personagem Jurandir, interpretado genialmente pelo querido Rodrigo Garcia, foi um acidente. Mas temos que pensar nas nossas".

"Nas tantas mulheres que enfrentam situações como essa no dia a dia. Que sofrem violência doméstica e são obrigadas a transar com seus maridos. Que tem o direito de ir e vir velado por aqueles que se acham maiores e melhores. O machismo mata todos os dias. Todos. E ele não é vantajoso para ninguém, nem para os próprios homens. O feminismo não é o contrário de machismo. Ele é apenas a luta por direitos equânimes. E é por isso que temos que seguir em frente com ele. É por isso que temos que dar as mãos, ouvir, desconstruir para reconstruir. Ainda temos muito a aprender. Que bom que temos Maria pra fortalecer a luta", acrescentou.

Alice, alvo de comentários machistas na internet, disse que a cena foi exaustiva, mas ficou satisfeita com o resultado: "Queria deixar meu sincero agradecimento a todo mundo que esteve envolvido nessa cena. Foi muito doído e muito importante e significativo pra mim estar ali. Quando ele puxou meu cabelo, vieram vários nomes de mulheres fortes que muito me inspiraram nos últimos anos. Coincidentemente, essa cena foi gravada no dia do meu aniversário - e eu tive certeza de que era o universo me dando um presente. Maria existe. E vive em todas nós. Continuem assistindo. Ainda temos muito mais pra contar".

 

PurePeople
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade