0

As rainhas de bateria que voltam a brilhar nas Campeãs

Você pensou que o Carnaval já tinha acabado? Ainda tem mais! O Desfile das Campeãs em São Paulo e no Rio, acontecerão na sexta-feira (8) e no sábado (9), respectivamente e você terá mais uma chance para admirar a beleza, o glamour e o samba no pé das Rainhas de Bateria. O Purepeople reuniu as rainhas de bateria das escolas que voltarão a brilhar no Sambódromo. Confira!

8 mar 2019
08h53
atualizado às 09h17
  • separator
  • comentários

Parecia que o Carnaval de 2019 já tinha acabado, mas você se enganou. Em São Paulo, as escolas de samba que ficaram nos primeiros cinco lugares voltam para desfilar nesta sexta-feira (8) e no Rio, onde as rainhas já brilharam nos desfiles da Sapucaí, desfilarão as seis primeiras colocadas no sábado (9). As escolas de samba desfilarão novamente no Desfile das Campeãs e devido a isso, teremos de volta as rainhas de bateria que exibirão as suas fantasias, a simpatia e, claro, o molejo nos Sambódromos. Por isso, separamos as musas que comandarão as baterias neste final de semana.

Raissa Machado é a rainha de bateria da vice-campeã do Rio, Viradouro. A musa veio fantasiada da Sacerdotisa Morgana, das lendas do Rei Arthur.
Raissa Machado é a rainha de bateria da vice-campeã do Rio, Viradouro. A musa veio fantasiada da Sacerdotisa Morgana, das lendas do Rei Arthur.
Foto: Divulgação, Riotur / PurePeople

Império de Casa Verde e Vila Maria começarão Desfile das Campeãs

Cinco escolas do Grupo Especial voltam para desfilar em São Paulo nesta sexta-feira (08). Iniciarão os desfiles a escola campeã do Grupo de Acesso 2, seguida da vice do Grupo de Acesso e da campeã do Grupo de Acesso. Meia-noite começam os desfiles das campeãs do primeiro grupo, com a Império de Casa Verde, que ficou em quinto lugar com 269,7 pontos e tem Valeska Reis como rainha de bateria. A escola falou sobre os 125 anos do cinema e a madrinha da bateria é a apresentadora do "Fofocalizando", Lívia Andrade, que disse não ter pretensão em ser rainha. Por volta de 1 hora da manhã, desfila da Unidos de Vila Maria, quarta colocada com 269,7 pontos, que falou sobre a importância do Sol entre o Brasil e o Peru, e desfilou com a maravilhosa Savia David à frente da bateria.

Rosas de Ouro, Dragões da Real e Mancha Verde também desfilam

Mais outras três escolas vão desfilar na sexta. Em terceiro lugar e desfilando 3 horas da manhã, Rosas de Ouro ficou com 269,9 pontos e voltará para o Sambódromo falando sobre o genocídio do povo armênico e com a atriz Ellen Rocche que comanda a bateria há 13 anos . A penúltima escola a desfilar em SP é a Dragões da Real, que conta com a Simone Sampaio há 8 anos à frente da bateria e teve a influência do tempo na humanidade como enredo e também fez 269,9 pontos. Em primeiríssimo lugar, a campeã do Carnaval Paulistano com um enredo sobre uma princesa africana, Mancha Verde, ganhou seu primeiro título com 270 pontos. Viviane Araújo é a rainha de bateria da escola há 13 anos e promete que não vai largar o posto tão cedo.

O tempo, Xangô e Clara Nunes no Desfile das Campeãs

No Rio, os desfiles acontecerão no sábado (9) e estão previstos para começar 21h15 com a sexta colocada, a Mocidade Independente de Padre Miguel que ficou com 269 pontos. A escola tem como rainha de bateria a musa Camila Silva, que veio representando a ganância dos seres humanos e também falou sobre a passagem de tempo. Em quinto lugar, o Acadêmicos do Salgueiro falou sobre Xangô e será a segunda a desfilar por ter feito 269,3 pontos. A escola virá com Viviane Araujo, campeã em SP, comandando a bateria fantasiada de borboleta de Oyá. A Portela será a terceira escola a desfilar por ter ficado em quarto lugar com 269,3 após falar sobre a cantora Clara Nunes. Sua rainha de bateria é Bianca Monteiro, que chegou a desmaiar no segundo recuo da bateria mas voltou com tudo para concluir o desfile.

As três primeiras colocadas

Vila Isabel, Viradouro e Mangueira subiram ao pódio. Em terceiro lugar com 269,4 pontos e desfilando por volta de meia-noite e meia, a Vila Isabel volta para a Avenida trazendo Sabrina Sato e o enredo sobre Petrópolis consigo. Foi o primeiro desfile da mamãe após o nascimento de Zoe e ela confessou ter chorado de emoção antes de entrar na Avenida. A vice-campeã, Viradouro, fez 269,7 pontos e falou sobre as histórias de um livro mágico. Ela voltará para desfilar com a rainha de bateria Raissa Machado, que usou uma fantasia ecologicamente correta com capim tingindo. A campeã do Rio em 2019 foi a Estação Primeira de Mangueira, que trouxe para a Avenida uma versão não contada da História, e será a última a desfilar. A escola tem como rainha de bateria a Evelyn Bastos, que cresceu na quadra.

Veja também:

(Por Pyetra Santos)

 

PurePeople

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade