PUBLICIDADE

Eleitores do Globo de Ouro são proibidos de aceitar presentes

16 jul 2021 22h28
ver comentários
Publicidade
Foto: Divulgação/Golden Globe / Pipoca Moderna

O comitê responsável por mudanças na Associação de Imprensa Estrangeira de Hollywood (HFPA, na sigla em inglês) proibiu seus membros de aceitar presentes e viagens de estúdios de Hollywood. A iniciativa é parte das mudanças que visam recuperar o prestígio do Globo de Ouro, evento realizado pela HFPA, que após sofrer denúncias de racismo e falta de ética profissional, teve sua edição de 2022 cancelada pela rede NBC.

Após uma seleção controvertida de indicados ao Globo de Ouro deste ano, que ignorou os principais títulos de temática racial, o jornal Los Angeles Times descobriu e denunciou que o grupo, formado por cerca de 80 jornalistas estrangeiros que trabalham em Los Angeles, não incluía nenhum negro.

Também sugeriu que uma viagem a Paris com tudo pago teria influenciado a inclusão de "Emily in Paris" na disputa de Melhor Série de Comédia.

Além disso, os integrantes do grupo são acusados de ter comportamento sexista e usar o prestígio do Globo de Ouro para obter vantagens e acesso privilegiado aos astros da indústria cinematográfica americana.

Sob ameaças de boicotes de produtores e artistas, a HFPA decidiu fazer um esforço para aumentar sua diversidade e transparência. Após propostas para aumentar a integração racial entre seus membros, agora o comitê prepara regras para aprimorar a ética da entidade.

"A HFPA continua dedicada à mudança transformadora que descreveu em seu plano de reforma e cronograma de maio", afirmou o comitê em um comunicado. "Ontem, a organização estabeleceu novas pautas-chave para avançar com a reforma."

De acordo com as "novas políticas envolvendo presentes, viagens e conflito de interesses", os membros da HFPA "não podem aceitar materiais promocionais ou outros presentes de estúdios, publicitários, atores, diretores ou outras pessoas ligadas a filmes e programas de TV".

Entre as reformas aprovadas, a organização criou uma linha direta para receber denúncias (que serão investigadas por um grupo independente), aprovou um novo código de conduta e contratou assessores de diversidade, igualdade e inclusão.

"Continuaremos atualizando a indústria sobre o nosso avanço, à medida que votarmos novos estatutos, que irão criar uma organização inclusiva, diversa e responsável, da qual nossos membros, partes interessadas e parceiros se orgulhem", acrescentou a HFPA.

Pipoca Moderna Pipoca Moderna
Publicidade
Publicidade