0

Demi Moore tem cartão clonado e ladrão gasta R$ 652 mil

David Matthew Read se passou pela atriz para obter o cartão e cometer a fraude

11 jul 2018
15h14
atualizado às 15h42
  • separator
  • comentários

A atriz norte-americana Demi Moore passou por uma situação chata no início de 2018: ela teve um cartão de crédito clonado e o ladrão gastou US$ 169 mil (cerca de R$ 652 mil) em compras, antes de ser pego pelas autoridades federais dos Estados Unidos.

Demi Moore tem seu cartão de crédito clonado
Demi Moore tem seu cartão de crédito clonado
Foto: Michael Tran / Getty Images

Segundo o site TMZ, David Matthew Read enviou um e-mail para a American Express se passando pela atriz e pedindo um novo cartão para substituir um que havia sido roubado. O site não tem informações de como Read conseguiu os dados pessoais de Demi ou como desbloqueou o cartão.

O FBI identificou o ladrão através de câmeras de lojas em Los Angeles e quando foi capturado pelas autoridades, em abril, admitiu a culpa no crime. Ele ainda está preso e aguardando julgamento na cidade californiana. O TMZ entrou em contato com os representantes da atriz, mas não obteve resposta.

Veja também:

 

Estadão Conteúdo

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade