0

Bruno Gagliasso revela ter se conscientizado sobre racismo após adotar Titi

'Vivendo e aprendendo sempre', respondeu à uma seguidora ao postar foto da filha no Instagram

12 out 2018
09h32
  • separator
  • comentários

Bruno Gagliasso compartilhou nas redes sociais, nesta quinta-feira, 11, um momento fofo da filha Titi. A fotografia mostra a pequena deitada no chão com um trabalho de colagem feito em uma cartolina amarela.

O ator Bruno Gagliasso e a filha Titi. 
O ator Bruno Gagliasso e a filha Titi.
Foto: Instagram / @gio_ewbank / Estadão Conteúdo

"Fazendo arte...Será que vai ser artista plástica igual ao tio Gian Luca Ewbank?", escreveu na legenda da foto. Titi foi adotada por Bruno Gagliasso e a modelo Giovanna Ewbank há cinco anos.

A imagem gerou uma série de comentários de seguidores do ator no perfil oficial dele no Instagram. Uma internauta perguntou: "Bruno, você acha que a adoção da Titi fez você olhar para assuntos como racismo, homofobia, machismo, com outros olhos?'. Bruno respondeu sem titubear. "Sem dúvidas. Fico triste que tenha sido tão tarde e me culpo por isso. Vivendo e aprendendo sempre!", analisou.

Em julho deste ano, Bruno Gagliasso falou sobre tuítes preconceituosos e homofóbicos que publicou em 2009. "Respondo com minhas ações e atitudes por quem já fui em 2009", disse Bruno na ocasião. Antes das declarações, o ator havia pedido um boicote a Júlio Cocielo, após comentários preconceituosos feitos pelo youtuber.

Estadão Conteúdo

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade