0

FaZe Clan conquista GLL Grand Slam: PUBG Classic na Suécia

Evento reuniu 16 das melhores equipes do mundo em disputa valendo R$ 1,2 milhão

31 jul 2019
15h43
  • separator
  • 0
  • comentários

A FaZe Clan, da Europa, conquistou o título do campeonato internacional GLL Grand Slam: PUBG Classic, em uma acirrada e emocionante disputa em Estocolmo, na Suécia, com 16 equipes participantes e premiação de US$ 300 mil (equivalentes a cerca de R$ 1,2 milhão). Representante do Brasil, a RED Canids Kalunga chegou a ocupar o 7º lugar, mas terminou a competição em 13º.

O torneio aconteceu no centro de exibições Stockholm International Fairs, de sexta-feira (19) a domingo (21), com 18 partidas realizadas, sendo seis por dia, nos mapas Erangel e Miramar.

A FaZe venceu o último jogo e, assim, assegurou o topo da tabela, que lhe rendeu o prêmio de US$ 130 mil (em torno de R$ 500 mil)
A FaZe venceu o último jogo e, assim, assegurou o topo da tabela, que lhe rendeu o prêmio de US$ 130 mil (em torno de R$ 500 mil)
Foto: PUBG Corporation/Divulgação

Foram 16 times participantes: cinco europeus, cinco norte-americanos, três latino-americanos e três da Oceania. RED Canids, Team Singularity e BitLoft Esports representaram a América Latina.

A BitLoft teve ótimo desempenho, conquistando duas 3ª colocações, uma 2ª e uma vitória nos jogos. Com as 66 eliminações de adversários, a equipe da América Latina do Sul alcançou 97 pontos e ficou com o 6º lugar na classificação geral. Foi uma performance melhor do que os próprios jogadores projetavam.

A brasileira RED Canids chegou a ocupar o 7º lugar, mas caiu de produção no terceiro dia e despencou na tabela para 13º. O time brasileiro teve duas 2ª posições, uma 3ª e uma 4ª na competição e somou 78 pontos, dos quais 52 por kills.

Já a Singularity, também da América Latina do Sul, encerrou a competição na 15ª colocação, com 65 pontos, sendo 45 por abates.

O GLL Grand Slam terminou de maneira épica. Na 18ª e decisiva partida do torneio, a campeã ainda era desconhecida, com as primeiras colocadas com pontuações muito próximas em busca do título e da consagração internacional.

A FaZe venceu o último jogo e, assim, assegurou o topo da tabela, que lhe rendeu o prêmio de US$ 130 mil (em torno de R$ 500 mil). Além disso, a Europa ganhou uma vaga adicional para o PUBG Global Championship, o campeonato mundial da modalidade, que encerrará a temporada 2019, em novembro.

Classificação final:
1º - FaZe Clan - 106 abates / 162 pontos - US$ 130.000
2º - Athletico Esports - 92 abates / 151 pontos - US$ 60.000
3º - Natus Vincere - 86 abates / 149 pontos - US$ 40.000
4º - Team Liquid - 84 abates / 143 pontos - US$ 25.000
5º - G2 Esports - 87 abates / 141 pontos - US$ 15.000
6º - BitLoft Esports - 66 abates / 97 pontos - US$ 12.000
7º - Ghost Gaming - 59 abates / 96 pontos - US$ 10.000
8º - The Rumblers - 49 abates / 94 pontos - US$ 8.000
9º - Spacestation Gaming - 66 abates / 92 pontos
10º - Pittsburgh Knights - 61 abates / 89 pontos
11º - Cloud9 - 64 abates / 84 pontos
12º - Tempo Storm - 48 abates / 79 pontos
13º - Red Canids Kalunga - 52 abates / 78 pontos
14º - Incognito - 53 abates / 68 pontos
15º - Team Singularity - 45 abates / 65 pontos
16º - Hell Yeah Brother - 30 abates / 36 pontos

Sobre a PUBG Corporation:
A PUBG Corporation, membro da KRAFTON (antiga Bluehole Inc.), começou como Bluehole Ginno Games, Inc. em 2009 e depois mudou de nome para PUBG Corporation em 2017. A PUBG Corporation é a desenvolvedora e distribuidora por trás do jogo de sucesso do gênero battle royale PLAYERUNKNOWN’S BATTLEGROUNDS (PUBG), lançado em 2017 e disponível em múltiplas plataformas. Desde o lançamento, o PUBG recebeu reconhecimento mundial, conquistando sete recordes do Guinness e vencendo diversos prêmios da indústria de jogos no mundo todo. Com sede na Coreia, a PUBG Corporation possui vários escritórios operacionais espalhados pelo globo, estando presente na América do Norte, na Europa, no Japão e na China. Com o objetivo de desenvolver o PUBG como uma franquia global, a companhia está atualmente realizando uma série de projetos, incluindo esports, licenciamento de produtos e muito mais. Para outras informações sobre o PUBG, visite www.pubg.com.

Fonte: Equipe portal
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade