PUBLICIDADE

Linda Blair não foi convidada a voltar a "O Exorcista"

27 jul 2021 23h05
| atualizado às 23h13
ver comentários
Publicidade
Foto: Divulgação/Warner / Pipoca Moderna

A atriz Linda Blair contou que não foi convidada a participar do resgate da franquia "O Exorcista", que vai render três novos filmes da Universal.

Sua participação foi questionada porque, ao anunciar o projeto, o estúdio revelou que os filmes seriam continuações do clássico de 1973 e que Ellen Burstyn iria reprisar o papel de Chris MacNeil, a mãe de Regan (a personagem de Linda Blair).

Linda Blair tinha 13 anos quando interpretou uma menina possuída pelo demônio no primeiro "O Exorcista" e se tornou conhecida mundialmente. Ela também participou de "O Exorcista 2: O Herege" em 1977.

"Para todos os meus fãs perguntando sobre meu envolvimento na reinicialização de 'O Exorcista', até agora não houve nenhuma discussão sobre minha participação ou reprise do meu papel", escreveu a atriz no Twitter.

Blair, que atualmente tem 62 anos, completou a mensagem agradecendo o apoio dos fãs. "Desejo o melhor a todos os envolvidos e agradeço a lealdade e a paixão que os fãs têm por 'O Exorcista' e pela minha personagem."

O projeto de revival da franquia está a cargo do cineasta David Gordon Green, que já tem experiência em atualizar sagas de terror. Ele assinou a sequência de "Halloween", de 2018, que fez tanto sucesso que também vai virar trilogia.

Além de dirigir, Green assina o roteiro do próximo "O Exorcista" em parceria com Peter Sattler ("Marcados pela Guerra").

Na trama, a personagem de Ellen Burstyn ajudará o pai de outra criança possuída. O papel principal será desempenhado por Leslie Odom Jr ("Uma Noite em Miami").

O primeiro dos três novos filmes tem sua estreia marcada para o dia 13 de outubro de 2023.

Pipoca Moderna Pipoca Moderna
Publicidade
Publicidade