PUBLICIDADE

Letitia Wright é acusada de postura antivacina no set de "Pantera Negra 2"

6 out 2021 19h35
| atualizado às 19h41
ver comentários
Publicidade
Foto: Divulgação/Marvel / Pipoca Moderna

A atriz Letitia Wright foi acusada de se posicionar contra a exigência de vacinação durante as filmagens de "Black Panther: Wakanda Forever", a continuação de "Pantera Negra". De acordo com uma reportagem do site The Hollywood Reporter, essa postura criou vários problemas e levou a Disney a passar a exigir vacinação para todos os atores de suas produções a partir da próxima semana.

Letitia Wright já tinha tornado sua postura antivax (antivacina) pública em dezembro do ano passado, quando publicou nas redes sociais um vídeo de um guru negacionista que questionava a eficácia dos imunizantes contra a covid-19, tudo à base de achismos. Inundada por comentários negativos, até o ator Don Cheadle, astro de "Vingadores: Ultimato", se manifestou, chamando o vídeo linkado de "lixo" e dizendo que iria contatar a atriz em particular. Ela apagou a publicação e parou de se posicionar sobre o assunto, mas nos bastidores sua opinião continuaria igual.

A atitude criou uma crise de relacionamento entre a atriz e a Disney e levou ao rompimento de laços profissionais entre ela e a equipe que cuidava de sua carreira.

Mas Wright não é a única estrela que tem protestado contra exigência de vacinação nas filmagens. O comediante Rob Schneider seria outro que não perde a oportunidade de espalhar fake news sobre os imunizantes. A vacinação também é questionada por Jim Carrey. E, no mundo da música, os exemplos antivax se multiplicam, incluindo Nick Minaj, Kanye West, M.I.A. e até a ex-RBD Maitê Perroni.

A situação tem criado problemas financeiros e de convivência nos sets, porque boa parte da turma antivax também é contra o uso de máscaras, alegando que elas não protegem ninguém. Muitos artistas se recusam a policiar os colegas que não usam máscaras, dizendo que não é sua função - caso assumido por Anthony Anderson, da série "Black-ish", na reportagem. E com isso as seguradoras têm rejeitado apólices de indenização por problemas causados pelo contágio de covid, incluindo paralisação e adiamento de filmagens, deixando os estúdios à mercê da sorte.

Para enfrentar o que a revista THR descreveu como um cenário caótico, a Disney decidiu começar a impor um sistema de isolamento para não vacinados, tornando obrigatória a comprovação da vacinação para trabalhos em equipe. A medida, afirma a empresa, é para garantir a segurança de todos os envolvidos em suas produções.

"Black Panther: Wakanda Forever" já concluiu suas filmagens, mas, de acordo com os novos critérios da Disney, Letitia Wright não aparecerá em mais nenhuma produção do MCU (Universo Cinematográfico da Marvel) se não se vacinar contra a covid-19.

Vale lembrar que situação parecida criou um impasse entre Sean Penn e a NBCUniversal, mas por motivo inverso. Vendo que alguns integrantes da equipe de produção de "Gaslit" se recusavam a se vacinar, Penn informou que não voltaria ao set para gravar a minissérie sobre o escândalo de Watergate enquanto todos não se vacinassem. Após dois meses de impasse, o estúdio informou que todos os membros da produção teriam que se vacinar.

Em entrevista ao THR, George Clooney chamou a postura antivax de alguns colegas de estupidez e infantilidade. "É estupido. E é estúpido porque cada geração em nosso país, por mais de uma vida, foi solicitada a sacrificar algo pela segurança de seus semelhantes - levar um tiro, lutar contra os nazistas", lembrou ele. "Tudo o que se pede a alguém aqui é tomar uma injeção no braço e colocar uma máscara. Cresçam."

Giancarlo Esposito, que estrela a produção da Disney "The Mandalorian", foi além, afirmando que não vacinados não devem interagir com outras pessoas. "Se você não quiser se vacinar, vá para uma pequena ilha", disse o ator. "[Caso contrário], você está dizendo 'Fod*-se' para todos os outros seres humanos. Todos nós temos que fazer isso se quisermos viver. Não entendo como as pessoas não se vacinam. Eu perdi amigos queridos, então sei que é real. Não apenas na Europa, mas na América, amigos que eram completamente saudáveis e sem comorbidades. A vacina é a resposta. Não quer se vacinar, então não trabalhe. Fique em algum lugar onde você não possa comprometer a saúde de ninguém."

Já Jennifer Aniston, a eterna Rachel de "Friends", foi às redes sociais recentemente revelar ter cortado relações com todos os colegas que se posicionam contra a imunização da covid-19.

Pipoca Moderna Pipoca Moderna
Publicidade
Publicidade