9 eventos ao vivo

Grande Prêmio do Cinema Brasileiro 2019 é realizado nesta quarta-feira, 14; confira indicados

'Chacrinha: O Velho Guerreiro', de Andrucha Waddington, concorre em 12 categorias

14 ago 2019
13h35
  • separator
  • 1
  • comentários

Nesta quarta-feira, 14, a Academia do Cinema Brasileiro estende seu tapete vermelho para o Grande Prêmio do Cinema Brasileiro de 2019. O presidente Hélio Peregrino tem como meta antecipar cada vez mais a cerimônia, na expectativa de que no ano que vem ou no próximo ela seja realizada no primeiro semestre. É a 18.ª edição do evento e, pela primeira vez, ele ocorre em São Paulo, no Teatro Municipal, que vai abrigar também a premiação de 2020. Os convidados começam a chegar às 19h e, às 20h30, ninguém mais será admitido no teatro, por conta da transmissão ao vivo pelo Canal Brasil, que deve começar às 20h45.

O campeão de indicações deste ano é Chacrinha: O Velho Guerreiro, de Andrucha Waddington, que concorre em 12 categorias. A homenageada será a atriz Zezé Motta, eternizada na tela como a Xica da Silva no longa de Cacá Diegues, nos anos 1970, e que desde então nunca deixou de brilhar no audiovisual brasileiros, no cinema e na televisão. Para quem quiser torcer, aqui vão os finalistas.

Melhor Longa-metragem de Ficção

  • A Voz do Silêncio, de André Ristum
  • Benzinho, de Gustavo Pizzi
  • Chacrinha - O Velho Guerreiro, de Andrucha Waddington.
  • O Grande Circo Místico, de Carlos Diegues.
  • O Paciente: o caso Tancredo Neves, de Sergio Rezende.

Melhor longa-metragem documentário

  • A Luta do Século, de Sérgio Machado.
  • Ex-Pajé, de Luiz Bolognesi
  • My Name Is Now: Elza Soares, de Elizabete Martins Campos.
  • O Processo, de Maria Augusta Ramos
  • Todos os Paulos do Mundo, de Gustavo Ribeiro e Rodrigo de Oliveira

Melhor longa-metragem infantil

  • Detetive do Prédio Azul 2 - O mistério italiano, de Viviane Jundi
  • O Colar de Coralina, de Reginaldo Gontijo.

Melhor longa-metragem comédia

  • Minha Vida em Marte, de Susana Garcia
  • Mulheres Alteradas, de Luis Pinheiro
  • Não Se Aceitam Devoluções, de André Moraes Torres
  • Os Farofeiros, de Roberto Santucci
  • Todas As Razões Para Esquecer, de Pedro Coutinho
  • Uma Quase Dupla, de Marcus Baldini

Melhor direção

  • Aly Murityba por Ferrugem
  • Andrucha Waddington por Chacrinha: O Velho Guerreiro
  • Carolina Jabor por Aos Teus Olhos
  • Gabriela Amaral Almeida por O Animal Cordial
  • Gustavo Pizzi por Benzinho

Melhor atriz

  • Adriana Esteves como Maria por Canastra Suja
  • Débora Falabella como Selminha por O Beijo no Asfalto
  • Grace Passô como Gloria por Praça Paris
  • Karine Teles como Irene por Benzinho
  • Marjorie Estiano como Ana por As Boas Maneiras

Melhor ator

  • Daniel de Oliveira como Eder Jofre por 10 Segundos para Vencer
  • Lázaro Ramos como Arandir por O Beijo no Asfalto
  • Murilo Benício como Inácio por O Animal Cordial
  • Otávio Müller como Klaus por Benzinho
  • Othon Bastos como Tancredo Neves por O Paciente: O Caso Tancredo Neves
  • Stepan Nercessian como Chacrinha por Chacrinha: O Velho Guerreiro

Melhor atriz coadjuvante

  • Adriana Esteves como Sônia por Benzinho
  • Fernanda Montenegro como Dona Matilde por O Beijo no Asfalto
  • Gilda Nomacce como Gilda por As Boas Maneiras
  • Laura Cardoso como Pocaru por Encantados
  • Marjorie Estiano como Milene por Paraiso Perdido
  • Sandra Corveloni como ANGELINA por 10 Segundos para Vencer

Melhor ator coadjuvante

  • Ailton Graça como João Hanemman por Mare Nostrum
  • Enrique Diaz como Davi por Ferrugem
  • Matheus Nachtergaele como Luciano por O Nome da Morte
  • Milhem Cortaz como Celso por Canastra Suja
  • Otávio Müller como Amado Ribeiro por O Beijo no Asfalto
  • Otávio Müller como Dr. Renault por O Paciente: O Caso Tancredo Neves

Melhor direção de fotografia

  • Fernando Young por Chacrinha: O Velho Guerreiro
  • Gustavo Hadba, ABC, por Motorrad
  • Gustavo Hadba, ABC, por O Grande Circo Místico
  • Lula Carvalho, ASC/ABC, por 10 Segundos para Vencer
  • Mauro Pinheiro Jr. por Unicórnio
  • Walter Carvalho, ABC, por O Beijo no Asfalto

Melhor roteiro original

  • Aly Muritiba e Jéssica Candal por Ferrugem
  • André Ristum por A Voz do Silêncio
  • Claudio Paiva, Julia Spadaccini e Carla Faour por Chacrinha: O Velho Guerreiro
  • Gabriela Amaral Almeida por O Animal Cordial
  • Juliana Rojas e Marco Dutra por As Boas Maneiras
  • Karine Teles e Gustavo Pizzi por Benzinho

Melhor Roteiro Adaptado

  • Carlos Diegues e George Moura inspirado no poema O Grande Circo Místico, de Jorge de Lima por O Grande Circo Místico
  • Felipe Hirsch Baseado no livro Severina, de Rodrigo Rey Rosa por Severina
  • Gustavo Lipstein adaptado da obra O Paciente, o caso Tancredo Neves, de Luis Mir por O Paciente: O Caso Tancredo Neves
  • Jorge Furtado, Ana Luiza Azevedo e Vicente Moreno adaptado da obra Rasga Coração, de Oduvaldo Vianna Filho por Rasga Coração
  • Murilo Benício adaptado da obra O Beijo no Asfalto, de Nelson Rodrigues por O Beijo no Asfalto

Melhor direção de arte

  • André Weller por Unicórnio
  • Artur Pinheiro por O Grande Circo Místico
  • Dina Salem Levy por Benzinho
  • Marcos Flaksman por O Paciente: O Caso Tancredo Neves
  • Rafael Targat por Chacrinha: O Velho Guerreiro

Melhor figurino

  • Diana Leste por Benzinho
  • Flávia Lhacer por O Doutrinador - O Filme
  • Kika Lopes por O Grande Circo Místico
  • Kika Lopes por O Paciente: O Caso Tancredo Neves
  • Marcelo Pies por 10 Segundos para Vencer
  • Marcelo Pies por Chacrinha: O Velho Guerreiro

Melhor maquiagem

  • Adriano Manques por O Paciente: O Caso Tancredo Neves
  • André Anastácio por O Animal Cordial
  • Catherine Leblanc Caraes e Emmanuele Fèvre por O Grande Circo Místico
  • Marlene Moura por Chacrinha: O Velho Guerreiro
  • Martín Macías Trujillo por 10 Segundos para Vencer

Melhor efeito visual

  • Claudio Peralta por Chacrinha: O Velho Guerreiro
  • Cyrille Bonjean, Guilherme Ramalhk, Hugo Gurgel, Guillaume Castagné, Nicolas Berlin e Eduardo Schaal por As Boas Maneiras
  • Marcelo Siqueira, ABC e Thierry Delobel por O Grande Circo Místico
  • Marcelo Siqueira, ABC, por Motorrad
  • Marco Prado por O Doutrinador - O Filme

Melhor montagem ficção

  • Gustavo Giani por A Voz do Silêncio
  • Idê Lacreta por O Animal Cordial
  • Livia Serpa por Benzinho
  • Lucas Gonzaga por Motorrad
  • Mair Tavares e Daniel Garcia por O Grande Circo Místico
  • Thiago Lima por Chacrinha: O Velho Guerreiro

Melhor montagem documentário

  • Gustavo Ribeiro e Rodrigo de Oliveira por Todos os Paulos do Mundo
  • Karen Akerman por O Processo
  • Karen Harley por Hilda Hilst pede Contato
  • Lorena Ortiz e Pablo Paniagua por My Name is Now, Elza Soares
  • Batata Ney por A Última Abolição
  • Ricardo Farias por Ex Pajé
  • Yan Motta por Soldados do Araguaia

Melhor som

  • Christophe Penchenat, A.F.S.I, Simone Petrillo e Emmanuel Croset por O Grande Circo Místico
  • Gabriela Cunha, Bernardo Uzeda e Chistophe Vingtrinier por As Boas Maneiras
  • Gabriela Cunha, Daniel Turinj e Fernando Henna por O Animal Cordial
  • George Saldanha, Roberto Ferraz e Andre Tadeu por Legalize Já - A Amizade Nunca Morre
  • Jorge Rezende, Eduardo Hamerschlak, Alan Zilli e Armabdo Torres Jr, ABC por O Doutrinador - O Filme
  • Jorge Saldanha, Armando Torres Jr., ABC, Alessandro Larica, Eduardo Virmond Lima e Renan Deodato por Chacrinha: O Velho Guerreiro

Melhor trilha sonora original

  • Antonio Pinto por Chacrinha: O Velho Guerreiro
  • Antonio Pinto por O Banquete
  • Berna Ceppas por 10 Segundos para Vencer
  • Edu Lobo por O Grande Circo Místico
  • Elza Soares e Alexandre Martins por My Name is Now, Elza Soares

Melhor Trilha Sonora

  • Fábio Góes por Detetives do Prédio Azul 2 - O Mistério Italiano
  • Frejat, Leoni e Vinicius Cantuária por Intimidade entre Estranhos
  • Maria Gadú por Todas as Canções de Amor
  • Maurício Nader por Rasga Coração
  • Sinai Sganzerla por O Desmonte do Monte
  • Yan Motta por Soldados do Araguaia
  • Zeca Baleiro por Paraíso Perdido

Melhor longa-metragem estrangeiro

  • A Forma da água /The Shape of Water (EUA), dirigido por Guillermo del Toro
  • Boehemian Rhapsody /Boehemian Rhapsody (EUA), dirigido por Bryan Singer
  • Eu, Tonya/I' Tonya (EUA), dirigido por Craig Gillespie
  • Infiltrado na Klan/ Blackkklansman (EUA), dirigido por Spike Lee.
  • Me chame pelo seu nome / Call me by Your Name (EUA), dirigido por Luca Guadagnino
  • Nasce uma estrela (EUA), dirigido por Bradley Cooper.
  • The Square - A arte da discórdia/The Square (Suécia, Alemanha, França, Dinamarca), dirigido por Ruben Östlund.
  • Três anúncios para um crime / Three Bilboards Outside Missouri (EUA), dirigido por Martin McDonagh

Melhor longa-metragem Ibero-Americano

  • A noiva do deserto / La Novia Del Desierto (Argentina), dirigido por Cecilia Atán e Valeria Pivato
  • Alguém como eu (Brasil, Portugal), dirigido por Leonel Vieira, Coprodução Brasileira: Caio Gullane e Fabiano Gullane por Gullane
  • As herdeiras / Las Herederas (Paraguai, Alemanha, Brasil, Uruguai, Noruega, França), dirigido por Marcelo Martinessi. Coprodução Brasileira: Julia Murat por Esquina Produções Artísticas
  • Cachorros /Los Perros (Chile), dirigido por Marcela Said
  • Uma noite de 12 anos /La Noche de 12 Años (Argentina, Espanha, Uruguai), dirigido por Álvaro Brechner

Melhor curta-metragem de animação

  • Aquário de Alice Andreoli Hirata
  • Guaxuma de Nara Normande
  • Lé com cré de Cassandra Reis
  • O malabarista de Iuri Moreno
  • Sobre a gente de Alunos do Projeto Animação

Melhor curta-metragem documentário

  • Azul vazante de Júlia Alquéres
  • Copacabana Auschwitz de Jaiê Saavedra
  • Cor de pele de Livia Perini
  • Maré de Amaranta Cesar
  • Um corpo feminino de Thais Fernandes

Melhor curta-metragem de ficção

  • Adeus à carne de Julia Anquier
  • Nova Iorque de Leo Tabosa
  • O menino pássaro de Diogo Leite
  • O órfão de Carolina Markowicz
  • Peripatético de Jessica Queiroz

Melhor série brasileira de animação, de Produção Independente, para TV fechada ou plataforma Ott

  • Boris e Rufus, produzido por Belli Studio
  • Cupcake e Dino: Serviços Gerais, produzido por Birbo
  • Irmão do Jorel, produzido por Copa Studio
  • O show da Luna! 4° Temporada, produzido por PinGuim Content
  • Vivi Viravento, produzido por Mixer

Melhor série brasileira documentário, de Produção Independente, para TV fechada ou plataforma Ott

  • Aeroporto - Área restrita 2° Temporada, produzido por Moonshot
  • Arquitetos, produzido por Grifa Filmes
  • De carona com os óvnis, produzido por Clip Produtora
  • Inhotim - Arte Presente, produzido por Camisa Listrada e Quarteto Filmes
  • Mil dias - A saga da construção de Brasília, produzido por Cinegroup

Melhor série ficção, de Produção Independente, para TV fechada ou plataforma Ott

  • A lei do Riso - Crimes Bizarros, produzido por Movioca
  • Escola de Gênios - 1° Temporada, produzido por Mixer
  • Mostra tua cara!, produzido por Aldeia Produções
  • Natália - 2° Temporada, produzido por Academia de Filmes
  • Z4, produzido por Formata Produções
Estadão
  • separator
  • 1
  • comentários
publicidade