0

Christopher Meloni revela que ainda não viu nenhum roteiro de Law & Order: Organized Crime

30 jul 2020
15h30
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator
Foto: Divulgação/NBC / Pipoca Moderna

Christopher Meloni, que fechou contrato para voltar a interpretar o detetive Elliot Stabler num novo spinoff de "Law & Order", revelou que ainda não viu nenhum roteiro da série.

"Estamos no meio de uma produção pandêmica. Você sabe, tudo é insano", ele explicou no programa "The Jess Cagle Show", da rádio SiriusXM.

O ator contou que pré-produção de "Law & Order: Organized Crime" tem sido feita de forma remota, devido à pandemia de coronavírus.

"Você tem novas regras da cidade e no estado de Nova York, e por boas razões. Além disso, você tem novas regras e regulamentos da Universal e dos sindicatos. É preciso 'servir muitos mestres' agora, apenas para garantir que todos estejam seguros, certo? Qual é a nova norma para gravar?', questionou.

Enquanto isso é estabelecido, ele afirmou que os roteiristas ainda estão trabalhando na história. "Esse longo caminho foi para dizer que os roteiristas estão quebrando pedras, tentando descobrir o arco da história, quem são os personagens e como eles interagem, e eu ainda tenho que ver um roteiro", disse. "Estou trabalhando no meu bronzeado, ok?", acrescentou, brincando sobre o que tem feito durante a espera para as gravações.

Questionado sobre uma possível evolução de seu personagem nesse novo arco narrativo, Meloni concordou. "Uma regressão eu não acho particularmente interessante. Sempre que penso em Elliot, penso que, por mais defeituoso que ele possa ter sido, seu coração estava sempre no lugar certo", afirmou.

"Acho que foi o seu senso de injustiça que trouxe à tona os piores aspectos dele. Acho que a idade, um tom mais suave, talvez não em suas paixões, mas em como ele faz seu trabalho. Acho que ele evoluiu, penso que ele agora está em um bom lugar com sua família, acho que ele está em um lugar muito melhor consigo mesmo em relação ao mundo", completou.

A nova série, desenvolvida pelo veterano produtor Dick Wolf, responsável por todos os projetos da franquia "Law & Order", foi confirmada em março passado, animando os fãs que lamentaram a saída de Christopher Meloni de "Law & Order: SVU" em 2011, ao final da 12ª temporada.

A NBC encomendou uma temporada inaugural de 13 episódios, num acordo que dispensou a gravação de um piloto.

Sem previsão de estreia, a série vai mostrar que, após sair da divisão de crimes sexuais, Stabler passou a chefiar uma divisão de crime organizado do Departamento de Polícia da cidade de Nova York.

Como se passa na mesma cidade de "SVU", o público pode esperar um reencontro, via crossover, entre Stabler e a detetive Olivia Benson (Mariska Hargitay). Mas não deve ser uma reunião muito alegre, já que Stabler não se despediu de Benson, ao se afastar do departamento sem dizer uma palavra, com a notícia de que teria "se aposentado".

Isto aconteceu porque, na ocasião, Meloni não entrou em acordo para renovar seu contrato e não foi convidado para gravar um episódio de despedida do personagem.

Desde que saiu de "SVU", o ator esteve bastante ocupado, aparecendo em adaptações de quadrinhos, como "O Homem de Aço" (2013) e "Sin City: A Dama Fatal" (2014), e várias séries, entre elas "Underground", "Wet Hot American Summer", "Happy!", "Pose", "Maxxx" e "The Handmaid's Tale". Ele também dubla o Comissário Gordon na série animada "Harley Quinn" (da Arlequina).

Veja também:

Ex chora ao lembrar relação com Depp: "Detalhes traumáticos"
Pipoca Moderna
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade