0

‘Boi Neon’ e ‘Bacurau’: os filmes que Babu indicou no BBB

Longas nacionais representam facetas de um rico Nordeste que carece de representatividade

30 mar 2020
09h00
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Entre tantos vídeos que viralizaram da nova edição do Big Brother Brasil, um, em especial, chegou até o diretor Kleber Mendonça Filho. Nas imagens, Babu Santana e Manu Gavassi falam sobre o cinema nacional e o ator indica dois filmes, Boi Neon, de Gabriel Mascaro, e Bacurau, de Kleber Mendonça Filho e Juliano Dornelles. “Como as pessoas ainda não assistiram Boi Neon?”, comentou o ator, “é um filme maravilhoso. Queria muito ter feito esse filme. Esse e Bacurau”. 

Juliano Cazarré em 'Boi Neon'
Juliano Cazarré em 'Boi Neon'
Foto: IMDB / Reprodução

 

Mas do que se tratam esses filmes?

Uma das opções para representar o Brasil no Oscar deste ano — corrida que foi encabeçada por A Vida Invisível, de Karim Aïnouz, Bacurau fez história no cinema nacional. Vencedor do Prêmio do Júri do Festival de Cannes, o longa foi lançado em agosto de 2018 e conta a história da pequena cidade fictícia Bacurau. Comunidade carente do interior do sertão de Pernambuco, a vida pacata dos seus moradores muda a partir de uma série de fatos estranhos. Tudo começa quando Bacurau desaparece dos mapas. Logo depois drones passam a rodear a cidade, estrangeiros visitam a região, o sinal de telefonia é cortado, o caminhão de tanque que abastece de água a comunidade é atacado a tiros e, finalmente, a guerra é declarada: pessoas começam a ser assassinadas. 

Sob ataque, a cidade resiste. Bacurau é uma ode à força do nordestino, que reforça tão bem a importância de reconhecer a sua identidade, em um Brasil que por vezes mostra-se tão preconceituoso. E assim como no filme de Kleber Mendonça e Juliano Dornelles, o povo nordestino é lindamente representado em Boi Neon

Sônia Braga como Domingas em 'Bacurau'
Sônia Braga como Domingas em 'Bacurau'
Foto: Cinemascópio / Divulgação

O longa de Gabriel Mascaro, vencedor do Grande Prêmio do Cinema Nacional em 2017 (premiação que agraciou o Benzinho de Gustavo Pizzi em 2019), Boi Neon foi lançado em 2016. Com Juliano Cazarré é o protagonista Iremar, um vaqueiro de curral que viaja pelo Nordeste trabalhando em vaquejadas, cujo maior sonho é largar tudo para começar uma carreira como estilista. Boi Neon trata de um Nordeste sem frescuras, quebrando estereótipos, com humor e retratando uma porção do Brasil necessitado de representatividade. 

Bacurau está disponível no Telecine Play, que está com sinal aberto por 30 dias, e Boi Neon pode ser alugado na plataforma de streaming Looke e no catálogo da Now, da Claro Net. 

Veja também:

 

Fonte: Equipe portal
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade