PUBLICIDADE

Anna Muylaert prepara filme sobre inversão de gêneros

10 abr 2021
0comentários
Publicidade
Foto: Divulgação/Vitrine Filmes / Pipoca Moderna

A diretora Anna Muylaert, responsável pelos dramas premiados "Que Horas Ela Volta?" e "Mãe Só Há Uma", além do documentário "Alvorada", que integra o Festival É Tudo Verdade 2021, já começou a preparar seu novo filme. Intitulado "O Clube das Mulheres de Negócios", o longa será produzido pela Glaz Entretenimento ("Cabras da Peste"), em coprodução com África Filmes ("Que Horas Ela Vvolta?") e Globo Filmes.

O projeto veio à tona durante a Berlinale Co-Production Market, seção do Festival de Berlim dedicada a obras em fase de desenvolvimento (ainda não-filmadas) com potencial comercial e abertas a coproduções internacionais.

Informações sobre a produção indicam que o filme será uma alegoria sobre a crise do "patriarcado", ambientada em um mundo imaginário onde os estereótipos de gênero estão invertidos - ou seja, as mulheres ocupam as posições de poder enquanto os homens são criados para serem socialmente submissos. Fellini fez algo parecido, como delírio onírico/fantasia revanchista, em "Cidade das Mulheres" (1980).

Em comunicado sobre o projeto, a Vitrine Filmes, responsável pela distribuição, informou que Muylaert trabalha há mais de cinco anos no roteiro, mas os acontecimentos de 2020 a fizeram reescrever o filme.

"Durante a pandemia, homens como o presidente do Brasil e o ex-presidente dos EUA, tiveram uma posição negacionista e irresponsável sobre os acontecimentos. Enquanto isso, em outros países, as mulheres tomaram a dianteira das mesmas questões de forma mais realista e efetiva. A partir desse fato, mudei o tom do filme, tornando-o mais distópico em consonância com os tempos atuais", disse a diretora e roteirista, na nota à imprensa.

Ainda não há previsão para o lançamento.

Pipoca Moderna Pipoca Moderna
Publicidade
Publicidade