1 evento ao vivo

Stranger Things: Irmãos Duffer são acusados de assédio moral nos bastidores da série da Netflix

"Ficamos profundamente chateados em saber que alguém se sentiu desconfortável em nosso set", responderam os autores.

12 mar 2018
19h36
  • separator
  • comentários

Matt e Ross Duffer, criadores, showrunners, diretores e roteiristas de Stranger Things, foram acusados por um assistente de câmera da série de "perseguir e abusar verbalmente de várias mulheres" nos bastidores da atração da Netflix. "Houve gritaria, insultos, ameaças e pessoas foram demitidas ou forçadas a se demitir por causa deles", constava nos comentários da postagem original de Peyton Brown no Instagram, segundo a Variety.

Foto: AdoroCinema / AdoroCinema

A Netflix já se manifestou sobre o caso, dizendo que "não observou transgressão" no comportamento dos cineastas durante a produção. Os próprios Irmãos Duffer também se posicionaram: "Ficamos profundamente chateados em saber que alguém se sentiu desconfortável em nosso set", afirmaram, em declaração conjunta.


Irmãos Duffer dirigem Gaten Matarazzo, Noah Schnapp e Caleb McLaughlin no set de Stranger Things.

"Achamos importante não descaracterizarem o nosso set, onde acreditamos fortemente em tratar a todos de maneira justa independente de gênero, orientação, raça, religião ou qualquer outra coisa. Seguimos totalmente comprometidos em fornecer um ambiente de trabalho seguro e colaborativo para todos em nossas produções", declararam os Irmãos Duffer.

Stranger Things retorna para a terceira temporada em 2019, com os Irmãos Duffer no comando apesar das fake news de que eles teriam menor participação e (ao menos a princípio) a despeito dessas acusações de assédio moral.

AdoroCinema

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade