0

Star Wars: O que esperar do último filme da saga Skywalker

Longa de J. J. Abrams chega aos cinemas em 19 de dezembro!

8 dez 2019
07h02
  • separator
  • 0
  • comentários


Após mais de 40 anos dentro do cânon sobre os Skywalker, Star Wars: A Ascensão Skywalker será um grande marco para os fãs, pois além deste ser o capítulo que fechará a terceira trilogia da saga, será o último a abordar Luke, Leia e sua família nos cinemas. Por isso, as especulações sobre o que poderá acontecer neste filme que definirá tantas estão a mil! 

Foto: AdoroCinema / AdoroCinema

Aproveitando a fase antes da estreia, marcada para 19 de dezembro, o AdoroCinema dá sua opinião do que esperar de A Ascensão Skywalker (o filme mais longo da saga, com 155 minutos no total) e como tal conclusão influenciará a próxima trilogia de filmes. São inúmeras possibilidades... Confira.

Equilíbrio na Força?

Assim como no Episódio VI: O Retorno de Jedi, com o reequilíbrio da Força sendo encontrado a partir da vitória de Luke (Mark Hamill) contra o Imperador Palpatine, espera-se que em A Ascensão Skywalker a protagonista Rey (Daisy Ridley), junto de seus amigos, destrua a Primeira Ordem e reestabeleça novamente a paz na galáxia para que uma nova era comece. Tal teoria surge a partir da aparição da Estrela da Morte no trailer do filme - por mais que esteja parcialmente destruída, sua presença imediatamente já traz traços semelhantes ao do capítulo VI. Também nos resta saber se Kylo Ren (Adam Driver) estará ao lado da protagonista, ou não...

Palpatine de volta?

E por falar em Palpatine, a inesperada reaparição do principal antagonista da saga Star Wars chocou muitos fãs - especialmente quando o intérprete do personagem na trilogia prequela, Ian McDiarmid, apareceu no painel de Star Wars na SW Celebration em abril deste ano. Não sabemos se seu ressurgimento é físico ou se ele apenas será um fantasma da Força (tal como Yoda e Luke após o Episódio VIII), mas o que fica muito claro é que ele terá participação essencial no desfecho do arco principal. O bem contra o mal em sua melhor forma.

Rey é uma Skywalker?

A triste revelação apareceu em Os Últimos Jedi: os pais de Rey eram sucateiros que a venderam para comprar bebida. Porém, ainda assim fãs do mundo inteiro não se cansaram de imaginar as possibilidades da protagonista ser, de fato, uma Skywalker. A importância do significado de família em Star Wars é imensa (como se esquecer da icônica frase, "Não, eu sou seu pai"?), então talvez seja por isso que esta questão ainda paire na mente dos fãs. Mas o que mais parece instigante no arco de Rey é sua relação com Kylo Ren, que foi desenvolvida mais a fundo no filme de Rian Johnson. Talvez ela realmente não seja uma Skywalker no fim das contas, mas a ligação com a família através da Força é, sim, muito forte.

Kylo irá se redimir?

Da mesma forma que O Retorno de Jedi pode ser relembrado pelos espectadores no Episódio IX por conta da Estrela da Morte, Kylo Ren também se encaixa neste pensamento. Por mais que a rivalidade do antagonista com seus familiares e Rey seja bem destacada - inclusive com o assassinato de seu próprio pai, Han Solo (Harrison Ford) -, a impressão de que ainda exista alguma luz ali ainda se faz presente. Este espelhamento, inclusive, reprisa de uma certa forma o arco do próprio Darth Vader, que chega a declarar para Luke que foi salvo por ele e surge junto a Yoda e Obi Wan no minuto final do filme. A relação entre Rey e Kylo é complexa e um dos pontos altos desta nova trilogia, então o que mais podemos esperar entre os dois é mais um duelo empolgante e questionamentos de ambos os lados.

Carrie Fisher

Como não falar da nossa Princesa e General Leia? Falecida em 2016, Carrie Fisher deixou um extenso legado para os fãs de Star Wars - tão extenso que sua participação no Episódio IX foi garantida graças às cenas filmadas em Os Últimos Jedi. Portanto, será ainda mais emocionante vê-la na telona no desfecho dos Skywalker, arco que fez parte desde 1977. Sua força física e mental, e que inclui suporte para Rey na batalha do bem contra o mal, certamente será mais uma vez essencial.

E aí, como está a sua ansiedade de fã? O que mais gostaria de ver no Episódio IX? O filme chega aos cinemas brasileiros em 19 de dezembro e, para melhor apreciar este grande marco de uma das franquias mais apaixonantes do cinema não existem salas melhores do que as Salas Imax e Xplus da UCI Cinemas. Star Wars é filme pra ser visto com experiencia de imersão e nas salas especiais, isso é possível de qualquer lugar da sala. Sem contar com o som alinhado a laser que faz o espectador grudar na poltrona. A sala UCI XPlus ainda tem o som Dolby Atmos em 360º com som até o teto, tornando ainda mais única a experiência. Não dá pra se imaginar assistindo SW uma sala diferente. Não esqueça de aproveitar os descontos exclusivos do programa de vantagens UCI Unique, inclusive nas salas especiais!

Vale lembrar que o combo da UCI te dá as opções de dois modelos de copos que simplesmente merecem estar na sua coleção. Eu quero!



AdoroCinema
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade