1 evento ao vivo

Star Wars: Análise da prévia de A Ascensão Skywalker mostrada na D23 2019

Rey de sabre vermelho? Frota de Destroyers Estelares? C-3PO do mal?

26 ago 2019
19h38
  • separator
  • 0
  • comentários

Prontos para o fim da saga Skywalker? Foi divulgado, durante a D23 Expo, um novo e empolgante teaser de Star Wars: A Ascensão Skywalker. Para você não perder nenhum detalhe, o AdoroCinema fez uma análise, confira, (re)veja o vídeo e conte para a gente: notou mais algum detalhe?

Foto: Lucasfilm / AdoroCinema

O vídeo tem mais de um minuto de cenas clássicas das duas trilogias de Star Wars, de A Ameaça Fantasma a O Retorno de Jedi, fazendo uma espécie de tributo à franquia, e culmina revelando sequências de O Despertar da Força e Os Últimos Jedi. Quando a história de Rey (Daisy Ridley) é mostrada na tela, ouvimos a voz de Luke Skywalker (Mark Hamill) dizendo: "Passamos adiante tudo o que sabemos. Mil gerações vivem em você agora. Mas esta é a sua luta", dando a entender que Rey vai carregar o legado dos Jedi e dos Skywalker.


Então, começam as novidades de A Ascensão Skywalker. A primeira cena mostra Rey, Poe Dameron (Oscar Isaac), Finn (John Boyega), Chewbacca (Joonas Suotamo) e C-3PO no meio do deserto. Finalmente, eles estão juntos, após fugido para a mesma nave no final de Os Últimos Jedi. E lá está ela. À direita, atrás de uma pedra, vemos a Millennium Falcon.

Se observarmos os figurinos dos heróis, Rey aparece de branco, com seu sabre de luz e sua espécie de cajado; Finn aparece ainda com a jaqueta de Poe, enquanto o personagem de Oscar Isaac está armado e com lenço para proteger da areia (ele é o único com algo assim, já que é piloto e está menos acostumado a estar "no chão" do que Rey e Finn).


Em uma cena similar à do primeiro teaser — antes era em um local gramado, agora é deserto — vemos o que nossos heróis estão olhando. Trata-se de uma espécie de festa ou celebração de uma civilização do deserto, localizado no meio das formações rochosas. Não sabemos quem são essas pessoas, ou porque os protagonistas foram parar aí. Como a luta contra a Primeira Ordem não dá muito tempo para turismo, talvez eles tenham passado por dificuldades e precisaram pousar no planeta, ou estão à procura de alguém, possivelmente a personagem Zori Bliss (Keri Russell), uma velha amiga de Poe, ou mesmo Lando Calrissian (Billy Dee Williams) — porque já sabemos, onde tem festa, ele está.

É neste planeta que deve acontecer o confronto de Rey com um TIE fighter, e a cena em que Poe, Finn e C-3PO são perseguidos por stormtroopers em motos voadoras — ambas as sequências foram mostradas no primeiro teaser.


A próxima sequência traz Carrie Fisher como o general Leia. Conforme J.J. Abrams anunciou, as da personagem serão uma mistura de efeitos visuais e tomadas filmadas anteriormente. Aqui, é possível ver que a atriz não foi modificada digitalmente de forma alguma, embora certamente seu ambiente tenha sido alterado um pouco. Ela aparece na floresta, assim como Rey mais para frente nesse mesmo vídeo, e como Kylo Ren (Adam Driver) no primeiro teaser.


Star Wars não é Star Wars sem uma batalha de naves espaciais. De um lado, vemos a Frota da Resistência saindo do hiperespaço, aparentemente direto para a atmosfera de um planeta, ou algum lugar muito nebuloso. Entre as naves, vemos X-wings, A-wings, Y-wings, o retorno de B-wings da trilogia original, além do que parece ser um cruzador Tantive IV (como o da família Organa).

Do outro lado, centenas de Destroyers Estelares alinhados no céu, em formação, com raios se formando em volta deles. Mas atenção: estes não são Star Destroyers como os da Primeira Ordem, eles são Star Destroyers do Império (que acabou há algumas décadas). Será que é parte de uma frota que nunca foi utilizada? As naves poderiam ter sido feitas para continuar o domínio do Império sobre a galáxia, mas o Imperador nunca foi capaz de seguir adiante? Ou isso poderia ser parte de algum tipo de plano de contingência que está finalmente tomando forma muito depois da morte dele? Seria um motivo para Palpatine (Ian McDiarmid) dar as caras novamente, conforme já foi anunciado.

Como Palpatine pode retornar em A Ascensão Skywalker? (Análise)


Dentro de uma dessas naves da Resistência, Finn aparece ao lado de Jannah (Naomi Ackie). Certamente, eles estão no meio da batalha, já que um B-wing aparece voando na janela atrás, um raio laser passando por ele, e há um piloto da Resistência no leme. Seria esta nova nave de Lando Calrissian? Ele não parece estar a bordo, nem voando em segundo plano na Millennium Falcon (como no primeiro teaser). Entretanto, há rumores de que Jannah seja filha de Lando.


Em outra tomada, vemos C-3PO diferente. Depois de ganhar um braço vermelho em O Despertar da Força, agora ele aparece com olhos vermelhos ameaçadores. O que aconteceu? Teria ele se tornado um droid do Lado Negro da Força? Ele teria sido reprogramado? Ou ele possui um módulo de batalha que ninguém sabia até agora?


Logo depois, vemos uma arma de raio vermelho atacando um planeta. Seria outra super-arma da Primeira Ordem? Uma Estrela da Morte em miniatura? O planeta atingido pode ser tanto de gelo quanto de areia, mas nossa aposta vai para a terra natal da civilização desértica vista anteriormente no trailer.


A cena seguinte mostra Rey treinando para evoluir seus poderes desde Os Últimos Jedi. Com a ajuda de um droid de treinamento (parecido com aquele que Luke usa em Uma Nova Esperança), ela finalmente é vista jogando um sabre de luz na direção de uma árvore e chamando de volta para si. Quando ela pega a arma, tem uma fita ou bandagem vermelha amarrada na mão. Será que ela se queimou enquanto praticava? Será que foi cortada em uma cena anterior? E de quem é essa fita vermelha? Já vimos que o visual todo de Rey, Finn e Poe varia entre branco, bege e marrom.

O cenário é uma floresta. Será que Leia, que também apareceu no meio de vegetação, está transmitindo alguma sabedoria da Força para Rey agora que Luke se foi? E será que Kylo Ren está indo atrás da moça, já que apareceu em uma batalha na selva no outro teaser?


Kylo Ren se afasta de seu TIE Silencer no meio de um deserto escuro, enquanto há uma tempestade ao fundo — em um ambiente similar ao dos Destroyers Estelares. Em uma bela cena, ele aciona seu sabre de luz e levanta areia. Estaria ele encontrando uma ameaça? Ou é por precaução? Como lanterna? Estaria Kylo rastreando remanescentes ocultos do Império que nunca foram usados? Isso explicaria a misteriosa frota de Star Destroyers.


Rey e Kylo Ren se enfrentam mais uma vez, no que parecem ser os escombros da Estrela da Morte destruída que caiu neste planeta. Ondas se espalham ao redor deles e uma tempestade ameaça desabar sobre os dois, criando uma interessante cena de luta, mostrada também no cartaz do filme.

A tela fica preta e ouvimos a voz do Imperador Palpatine dizendo: "Sua jornada... está próxima do fim", seguida de um ruído que poderia muito bem ser a respiração de Darth Vader. Para quem será que ele está dizendo isso? Rey, Kylo Ren ou Vader? (Lembrando que Palpatine seria praticamente bisavô de Kylo).


A resposta vem logo na próxima cena: Rey surge vestida com uma capa, bastante parecida com a de Palpatine, segurando um novo sabre de luz, vermelho, com duas lâminas. Em determinado momento, uma das lâminas desce para se transformar em um sabre duplo como o de Darth Maul. A expressão dela também não é das mais amigáveis, e seu rosto parece com muitos efeitos visuais — talvez para deixá-la mais parecida com o Imperador.

Ainda não se sabe se é algo real ou sonho, mas nosso palpite é que seja uma visão do que Rey poderia se tornar caso seguisse para o Lado Negro da Força — similar àquela que Luke Skywalker teve na caverna em O Império Contra-ataca. Pode ser algo colocado em sua mente pelo Imperador, que ainda pode estar vivo ou de volta como um fantasma da Força do Lado Negro.

Reveja o novo vídeo e o primeiro teaser, e compare as informações:

AdoroCinema
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade