0

Red Sonja é suspenso após polêmicas com Bryan Singer

Refilmagem não tem mais previsão de início da produção após acusações envolvendo o diretor.

11 fev 2019
18h43
  • separator
  • 0
  • comentários

Após perder a indicação ao BAFTA, mais uma baixa para Bryan Singer. A Millennium Films decidiu suspender a refilmagem de Red Sonja após as controvérsias envolvendo o diretor do indicado ao Oscar Bohemian Rhapsody. A informação é do Deadline.

Foto: Michael Tullberg/Getty Images / AdoroCinema

No último mês, o jornal The Atlantic publicou uma matéria investigativa que envolvia múltiplas acusações de que o diretor havia supostamente assediado e estuprado quatro menores de idade durante a década de 1990. Anteriormente, ele já havia sido processado duas vezes por acusações semelhantes.

O diretor chegou a rebater as denúncias antes mesmo de elas serem publicadas: "Eles têm entrado em contato com meus amigos, colegas e pessoas que nem conheço. No clima atual, no qual a carreira das pessoas estão acabando com base em acusações, o que a revista está tentando fazer é um desrespeito imprudente com a verdade, fazendo suposições que são mentirosas e irresponsáveis.", declarou através do Instagram.

BAFTA 2019: Bryan Singer perde indicação por Bohemian Rhapsody

Após a exposição do caso, a Millennium Films chegou a defender Singer em declaração enviada ao The Hollywood Reporter, mais tarde retratada:

"Não quero perdir desculpas, quero apenas esclarecer", afirmou o CEO Avi Lerner. "Acho que as vítimas devem compartilhar suas histórias e suas alegações precisam ser levadas a sério. Simplesmente não concordo com o julgamento no Twitter. Quero que [o acusado] seja julgado em tribunal."

Com orçamento avaliado entre US$ 70 e US$ 80 milhões, Red Sonja seria filmado na Bulgária, com início da produção planejado para o segundo trimestre deste ano. A história deveria girar em torno da personagem derivada de Conan, o Bárbaro, acompanhando a guerreira pacífica cuja vida é afetada quando uma tropa de mercenários invade a fazenda em que ela vive, destruindo sua família e cometendo estupros. Sonja escapa da morte ao fazer um acordo com uma deusa: ela poderá vencer o sofrimento e assumir uma vida de guerreira, desde que não permita que um homem toque o seu corpo a não ser que ele a vença em uma batalha. A personagem já chegou aos cinemas no filme Guerreiros de Fogo(1985), com Brigitte Nielsen e Arnold Schwarzenegger.

AdoroCinema
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade