6 eventos ao vivo

Os Incríveis 2: Confira o que a imprensa internacional está achando do filme

Primeiras críticas da sequência já saíram!

12 jun 2018
12h22
  • separator
  • comentários

As primeiras reações da imprensa internacional a Os Incríveis 2 já chegaram! E os fãs mais apreensivos podem se acalmar, pois o clima geral é positivo.

Foto: AdoroCinema / AdoroCinema

14 anos separam o lançamento do primeiro filme e o do segundo, e de acordo com a crítica, a espera valeu a pena. O filme dirigido por Brad Bird já acumula uma aprovação de 96% no Rotten Tomatoes, o principal site agregador de críticas, e também está no caminho para se tornar a melhor bilheteria no fim de semana de estreia da história da Pixar.

Confira abaixo o que os críticos dos principais veículos internacionais acharam do filme. Sem spoilers, é claro!

Todd McCarthy, The Hollywood Reporter:

"Ainda no centro estão os elementos-chave que fizeram da criação original de Brad Bird tão cativante: os laços, testados mas resilientes, dentro da família média norte-americana com poderes secretos, o fabuloso design inspirado nos anos 1950/1960, a sagacidade, saber o que custa manter um casamento no lugar e o grande comando de uma bola-curva narrativa.

Acima de tudo isso está a presença feminina pronunciada (algo obviamente planejado há muitos anos mas no passo certeiro com os eventos modernos): a história dá o holofote à Mulher-Elástica, com a filha adolescente Violeta começando a abrir as asas. O pequeno Zezé também começa a mostrar o seu potencial com comportamentos Incríveis."

Darren Franich, Entertainment Weekly:

"Sem brincadeira: Essas são as melhores sequências de ação na nossa Era sufocada de super-heróis. Você imaginaria que [Brad] Bird estaria trepidante ao retornar para o material. Desde 2004, houve incontáveis histórias de heróis adaptadas para as telonas, dois Quartetos Fantásticos, três Homens-Aranha diferentes, a atual ameaça de um filme do Coringa do Jared Leto. Mas o diretor-roteirista traz uma cinética Pop Art para a jornada destes heróis. Quando o Sr. Gelado traz seus podperes, a densidade é exuberante."

David Ehrlich, IndieWire: 

"É claro, Os Incríveis 2, por toda a sua domesticidade, nunca é chato. Como sempre, Bird enche seu filme com tantos elementos que pode parecer um exercício apenas continuar acompanhando. A vida é uma zona — a vida em Municiberg às vezes é mais ainda. Às vezes, parece que Bird está só jogando várias ideias contraditórias em competição direta umas com as outras, feliz com quaisquer ideias e personagens que forem capazes de sobreviver à história. Os Incríveis 2 é um pouco das duas coisas. Enquanto os Deavor são muito mal escritos, amparados apenas pelos atores que os interpretam, outras novas faces surgem."

Alissa Wilkinson, Vox: 

"Os Incríveis 2 não tem a mesma pressa de narrativa ou as mesmas cenas de ação coreografadas de seu predecessor, mas ainda é bastante divertido. Enquanto a estética é indubitavelmente uma cópia, eles continuam aplicando uma estética de meio-século modernista, com elementos de design (e da história) que parecem ser emprestados dos primeiros filmes de James Bond ou de Mad Men. E há piadas engraçadas, novos personagens hilários, e muitas sequências que se comparam a qualquer grande filme da Pixar."


David Griffin, IGN:

"Os Incríveis 2 também faz um tremendo trabalho ao expandir o universo, mas não às custas da história da família Pêra, que está sempre à frente. Algumas adições, como Void (Sophia Bush), oferecem uma versão menos estóica de um super-herói. Ela é mais velha que Flecha e Violeta, e ainda assim mais nova que a geração mais velha, fazendo dela estranha e tímida frente aos heróis veteranos [...] Se a Disney-Pixar escolher desenvolver um terceiro filme dos Incríveis, ou até mesmo um spin-off, agora há heróis ainda mais interessantes para se explorar."

Matt Goldberg, Collider:

"Sequências, especialmente sequências que são lançadas mais de uma década depois do original, são um prospecto enganador. O elenco original faz uma sombra maior com o crescimento da popularidade, e fica mais difícil para a sequência fazer barulho nos seus próprios termos enquanto mantém o que as pessoas gostaram no primeiro filme. Enquanto nunca atinge os mesmos auges delirantes de Os Incríveis, Os Incríveis 2 é uma sequência que vale a pena e que nunca perde vista dos motivos por que nós nos apaixonamos por estes heróis a princípio."

Owen Gleiberman, Variety: 

"Os Incríveis 2 oferece um replay maliciosamente alto-astral, mas levemente enérgico, da história original de uma família de super-heróis trabalhando para provar sua relevância. Mais uma vez, os membros da família estão divididos entre a rotina doméstica e a bravura de salvar o mundo. Ainda assim, o que era orgânico, e às vezes obsessivo no primeiro filme torna-se uma fórmula elaborada e batida aqui. O novo filme, por mais energizado que seja, frequentemente parece requentado, com um riff de 'o que fazemos agora?' que o transforma em um roteiro óbvio."

Os Incríveis 2 estreia no dia 28 de junho de 2018 nos cinemas de todo o Brasil.

AdoroCinema

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade