1 evento ao vivo

Melissa Benoist, a Supergirl, revela ser sobrevivente de violência doméstica

A atriz fez um relato sobre sua experiência num relacionamento abusivo.

28 nov 2019
11h45
  • separator
  • 0
  • comentários

Intérprete da Supergirl na TV, Melissa Benoist fez um relato emocionante, através de suas redes sociais, revelando ser uma sobrevivente de violência doméstica. Com um vídeo de 14 minutos de duração, a atriz conta sua experiência dentro de um relacionamento abusivo, onde era verbal e fisicamente agredida por um ex. Sem divulgar o nome do homem em questão, Benoist contou como o relacionamento entre eles começou com uma amizade, mas a insegurança do namorado mais jovem tornou o ciúme como presença marcante entre os dois. Chegou ao ponto que ela precisou recusar oportunidades de trabalho, já que ele não gostava de vê-la perto de outros homens. A violência começou cinco meses após o início do namoro, onde Melissa relatou uma série de incidentes onde ela foi machucada pelo agressor. A gota d'água veio quando seu parceiro jogou um celular no rosto de Benoist, quebrando seu nariz e causando uma ruptura irreparável em seu olho. Os ferimentos foram profundos demais para esconder e a jovem precisou inventar a desculpa pública de tinha caído por acidente. Até que ela finalmente confessou o que aconteceu para uma amiga e terminou o relacionamento. Atualmente, Melissa é casada com seu antigo colega de cena em Supergirl, Chris Wood. Antes disso, ela foi esposa de Blake Jenner, com quem contracenou em Glee. "Sair não foi um passeio no parque. Não é um evento. É um processo. O processo de cura vai continuar durante toda minha vida e me trouxe até esse momento, onde me sinto forte o suficiente para falar da minha experiência, de forma honesta e sem vergonha. Compartilhando minha história, espero que possa encorajar outras pessoas a pedirem ajuda e saírem de relacionamento abusivos. Todo mundo merece ser amado, sem violência, medo e ferimentos físicos." Uma publicação compartilhada por Melissa Benoist (@melissabenoist) em 27 de Nov, 2019 às 11:30 PST Desde seu relato, Melissa Benoist vem recebido apoio de fãs e colegas de profissão (como Danielle Panabaker, Caity Lotz, Candice Patton, Nicole Maines e Jon Cryer), através da hashag #IStandWithMelissa. Intérprete de sua irmã em Supergirl, Chyler Leigh comentou "Isso é mais que bravura, é heroico. Como algo renascendo das cinzas, Mel é um exemplo de como a vida pode florescer depois das piores condições. Eu te amo profundamente e estou grata que você contou sua história." #istandwithmelissa This is beyond brave, this is heroic. Like a poppy rising from the ashes, Mel you are a powerful example of how a beautiful life can bloom from the deadliest of conditions. I love you dearly and am thankful you've shared your story ❤️ https://t.co/HHbZldQVLT— Chyler Leigh (@chy_leigh) November 28, 2019 Produtores de Supergirl, Sarah Schechter e Greg Berlanti também soltaram uma declaração . "Melissa é uma heroína, dentro e fora das telas. Ela é uma mulher extraordinária e estamos orgulhosos de apoiá-la. Aplaudimos sua coragem e força, nos juntando na esperança que esse incrível ato de honestidade ajude outras pessoas a se pronunciarem e encontrar segurança. Te amamos, Melissa." With all the love in the world for Melissa. @GBerlanti @WithoutViolence pic.twitter.com/JrziOQ9Wof— Sarah Schechter (@SarahSoWitty) November 28, 2019 No Brasil, vítimas de violência doméstica podem procurar ajuda de ações do governo, além de iniciativas colaborativas como as plataformas Mapa do Acolhimento, Mete a Colher e a ONG TamoJuntas.

Foto: AdoroCinema / AdoroCinema

AdoroCinema
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade