0

Homem de Ferro de Robert Downey Jr. é insubstituível, diz diretor de Vingadores: Guerra Infinita

Joe Russo sabe que o ator "não pode interpretar o personagem para sempre".

16 abr 2018
21h05
atualizado em 17/4/2018 às 08h20
  • separator
  • comentários

Robert Downey Jr. mudou para sempre o destino de sua carreira quando aceitou viver o gênio, playboy, bilionário e filantropo Tony Stark nos filmes do Universo Cinematográfico Marvel (MCU, na sigla em inglês). A franquia de maior sucesso de todos os tempos, aliás, correria o risco de nem existir caso Homem de Ferro (2008) não fosse tão bem sucedido e o sucesso do filme tem muito a ver com a forma que Downey Jr. encarna o herói.

Foto: AdoroCinema / AdoroCinema

Sendo assim, com a proximidade da estreia de Vingadores: Guerra Infinita, um filme que promete chacoalhar as coisas no MCU, é fácil se perguntar como os heróis que estão há mais tempo na franquia vão sobreviver à chegada de Thanos à Terra. Se Vingadores 4 (título provisório) marcar mesmo a última aparição de Downey Jr. como Stark o que isso significaria para a franquia? O traje do Homem de Ferro poderia ser passado para outra pessoa?

Para o cineasta Joe Russo, que dirigiu Vingadores: Guerra Infinita ao lado de seu irmão Anthony Russo, é impossível pensar em qualquer pessoa no lugar de Downey Jr. "Não há ninguém que possa tomar o papel de Homem de Ferro do Robert. Ele não pode interpretar o personagem para sempre. Tenho certeza de que há várias coisas que ele gostaria de fazer em sua carreira, mas ele adora fazer o personagem, eu sei disso, e adoramos trabalhar juntos. Vamos ver o que acontece a partir daí".


Homem de Ferro em Vingadores: Guerra Infinita.

Russo ainda comentou a atitude de Downey Jr. nos sets de filmagens de Vingadores: Guerra Infinita , que chega aos cinemas brasileiros no dia 26 de abril. "Robert é um líder incrível. Ele é um ser humano muito caloroso e inclusivo. Ele é ótimo em manter o clima bom com todo mundo e convidar a todos para o processo criativo saudável."

AdoroCinema

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade