2 eventos ao vivo

'GoT': como a canção de Podrick dá possíveis detalhes do fim

Olha o spoiler!

23 abr 2019
08h06
atualizado às 10h49
  • separator
  • comentários

Nos momentos finais do episódio 2 da 8ª temporada de Game of Thrones, Podrick Payne (Daniel Portman) surpreende a todos com sua voz e uma canção imediatamente reconhecível para os fãs dos livros de George R.R. Martin. O escudeiro canta a música Jenny's Song, sobre Jenny de Pedravelhas, e tanto a letra quanto a história da personagem trazem alguns alertas que podem dar dicas sobre o que a série guarda para os episódios finais.

Gwendoline Christie e Daniel Portman em 'Game of Thrones' (2011)
Gwendoline Christie e Daniel Portman em 'Game of Thrones' (2011)
Foto: IMDB / Reprodução

O potencial escondido na música, intitulada Jenny of Oldstones tem relação com a história da personagem contada nos livros de GRRM. Jenny de Pedravelhas teve um tórrido romance com o príncipe Duncan Targaryen, o Príncipe das Libélulas. Duncan era herdeiro do Trono de Ferro, pois foi o primogênito do Rei Aegon V — cujo apelido de infância era Egg.

Sor Duncan amava Jenny tanto que se casou com ela contra as vontades de seu pai, quebrando a promessa de casar-se com  a filha de Lyonel Baratheon. Isso fez com que Duncan, no fim das contas, abdicasse de seu direito ao Trono de Ferro em virtude de seu amor.

Jenny levou à côrte uma bruxa de quem era muito amiga, conhecida como a Fantasma do Coração Alto. A mulher profetizou que o Príncipe que foi Prometido (conhecido também como Azor Ahai) viria da linhagem de Aerys e Rhaella Targaryen. Isso fez com que o pai deles, Jaehaerys II (irmão mais novo de Duncan e novo sucessor do Trono) obrigasse seus dois filhos a se casarem. Desta união nasceram o príncipe Rhaegar, Daenerys e Viserys Targaryen — e, posteriormente, o próprio Jon Snow.

O amor entre Duncan e Jenny culminou na Tragédia de Solarestival, quando um incêndio tomou conta da casa de verão dos Targaryen. Na ocasião, morreram o rei Aegon, o príncipe Duncan e Sor Duncan, o Alto —um personagem que o próprio George R.R. Martin já confirmou ser ascendente de Brienne de Tarth.

Foto: AdoroCinema / AdoroCinema

Curiosamente, ou não tanto, foi nessa mesma tragédia que nasceu o príncipe Rhaegar Targaryen, e os sobreviventes não falam muito sobre o ocorrido.

O conto pode ser apenas um easter-egg, mas os acontecimentos que rondam Jenny dialogam diretamente com a profecia de Azor Ahai e com a mitologia da história recente dos Targaryen. Estaria a série sugerindo que a história vai se repetir com os protagonistas da vez, Dany (Emilia Clarke) e Jon (Kit Harington)?

Veja também:

 

AdoroCinema

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade