0

Game of Thrones: 10 grandes momentos da 6ª temporada

Da ressurreição à explosão do Septo.

1 abr 2019
10h00
  • separator
  • comentários

Falta pouco! A oitava temporada de Game of Thrones já está quase dobrando a esquina, mas antes de mergulharmos nos seis episódios finais da série mais popular da HBO, que tal relembrar os anos anteriores?

Foto: AdoroCinema / AdoroCinema

Game of Thrones: 10 grandes momentos da 1ª temporada

Game of Thrones: 10 grandes momentos da 2ª temporada

Game of Thrones: 10 grandes momentos da 3ª temporada

Game of Thrones: 10 grandes momentos da 4ª temporada

Game of Thrones: 10 grandes momentos da 5ª temporada

O AdoroCinema resolveu lembrar os melhores momentos da série até agora, para todo mundo chegar afiadíssimo para o oitavo ano. Nesta reta final, chegou o momento da sexta temporada! Ansiosos?

Jon Snow está morto, Sansa está em fuga


Após o golpe dos Patrulheiros que causou a morte de Jon Snow (Kit Harington), Alisser Thorne (Owen Teale) se nomeia o novo Lorde Comandante, enquanto o corpo do bastardo é guardado pelos seus fiéis aliados e por Fantasma. Davos Seaworth (Liam Cunningham) quer ajuda de Melisandre (Carice van Houten) para salvar Jon. Descobrimos que a sacerdotisa é mais velha que se imagina, pois quando ela tira o colar  que usa religiosamente no pescoço, sua real aparência se revela muito mais idosa.

Depois de terem conseguido escapar de Winterfell, Sansa (Sophie Turner) e Theon (Alfie Allen) fogem pela floresta completamente tomada pela neve. Eles são encurralados pelos homens de Ramsay, mas são salvos por Brienne (Gwendoline Christie) e Podrick (Daniel Portman) — que continuaram à espreita observando a garota. Brienne oferece novamente sua proteção e fidelidade à jovem Stark, que desta vez aceita os serviços. Enquanto isso, Ramsay (Iwan Rheon) é ameaçado pelo seu pai, Roose Bolton (Michael McElhatton), que alerta o filho de sua "falta de utilidade" caso não consiga resgatar Sansa. Como resposta, ele mata o próprio pai para garantir que não terá concorrência ou ameaça ao seu comando sobre o Norte.

Porto Real está em crise


Jaime (Nikolaj Coster-Waldau) e Bronn (Jerome Flynn) retornam a Porto Real depois da viagem a Dorne, trazendo o corpo de Myrcella (Nell Tiger Free) — que foi morta por Ellaria Sand (Indira Varma) e pelas Serpentes de Areia. Cersei (Lena Headey) descobre a morte da filha, o que causa mais um baque em seu psicológico.

Presa pela Fé Militante e mantida no Septo de Baelor pelo Alto Pardal, Margaery Tyrell (Natalie Dormer) tem uma vida miserável. Ela quer ver o irmão, Loras (Finn Jones), mas é impedida pelo líder religioso, que tenta forçá-la a confessar os pecados dos quais é acusada. Cada vez mais desesperada, ela não sabe o que fazer. Tommen (Dean-Charles Chapman) quer ir visitar a esposa, mas enfrenta os impedimentos da própria mãe, que quer mantê-lo longe de Margaery e do Alto Pardal (Jonathan Pryce).

Daenerys está perdida

Dany (Emilia Clarke) é levada a Vaes Dothrak para viver junto ao Dosh Khaleen enquanto Daario Naharis (Michiel Huisman) e Jorah (Iain Glen)  continuam à sua procura pelo Grande Mar Dothraki. Em Meereen, Tyrion (Peter Dinklage) tenta controlar os Filhos da Harpia com a ajuda de Missandei (Nathalie Emmanuel) e Verme Cinzento (Jacob Anderson).

Daario e Jorah vão atrás de Dany até Vaes Dothrak, e conseguem encontrá-la. Humilhada pelos outros Khals e forçada a levar uma vida de reclusão, ela tem um plano antes de escapar e voltar para o seu povo: ela ateia fogo ao local, provando a todos o seu valor quando sai completamente imune. Ela acaba ganhando mais seguidores em seu caminho de volta à cidade na Baía dos Escravos.

Confusões no Norte

Para Além da Muralha, Bran (Isaac Hempstead-Wright) é treinado pelo Corvo de Três Olhos (Max von Sydow) e começa a enxergar o passado, visitando grandes momentos da história de Westeros e da família Stark.

Davos convence Melisandre a usar os seus poderes para ressuscitar Jon. O jovem bastardo revive e sentencia seus assassinos à morte e decide ir embora da Patrulha, uma vez que morreu em serviço — mas não antes de reencontrar a irmã. Brienne, Podrick e Sansa chegam à Patrulha e encontram Jon, reunidos pela primeira vez desde o primeiro episódio da série. É neste momento que Tormund se encanta com Brienne.

Lorde Umber entrega Rickon (Art Parkinson) e Osha (Natalia Tena) como prisioneiro a Ramsay. Cão Felpudo está morto. Theon volta para as Ilhas de Ferro, para encontrar sua irmã Yara (Gemma Whelan) e o tio Euron Greyjoy (Pilou Asbaek) — um famoso e sanguinário pirata, que voltou para casa com objetivo de matar o irmão, Balon (Patrick Malahide), a fim de se sentar na Cadeira de Pedra do Mar.

The Door

Bran continua o seu treinamento com o Corvo de Três Olhos, descobrindo segredos do passado de sua família. Em um de seus retornos ao presente, ele é visto e tocado pelo Rei da Noite. O grupo de Caminhantes Brancos, assim, tem a capacidade de invadir a caverna sob a Árvore Coração. Bran, Meera (Ellie Kendrick) e Hodor (Kristian Nairn) se organizam para fugir mas, antes de eles escaparem, o Corvo de Três Olhos quer passar ao garoto todas as informações que tem sobre passado e futuro.

Os Caminhantes Brancos invadem a caverna antes da fuga do grupo — enquanto Bran e o Corvo ainda estão visitando os principais momentos do passado. Bran está em um momento da infância de seu pai, com um jovem Hodor no pátio de Winterfell, quando o grupo do Rei da Noite invade a caverna.

Ouvindo os gritos de Meera tentando acordá-lo, Bran decide tentar entrar na mente do Hodor do passado para controlar o Hodor do futuro — uma decisão que afeta a estabilidade mental do jovem Willys.

É neste momento que entendemos o "Hold the Door." Bran, na cabeça do jovem Hodor, manda que ele "segure a porta" e prenda os Caminhantes Brancos, para que Meera possa fugir. Willys é afetado pelo Bran do futuro e se transforma, para sempre, em Hodor.

Com a nuvem de conhecimentos entregue pelo Corvo de Três Olhos, Bran acaba descobrindo que Jon não é seu irmão, mas filho bastardo de Lyanna, sua tia, com Rhaegar Targaryen, irmão mais velho de Daenerys morto na Batalha de Robert.

Daenerys ganha novos aliados


Em Pyke, Theon dá apoio a Yara ser a nova comandante das Ilhas de Ferro, durante a Assembléia dos Homens Livres. Euron é o escolhido, prometendo que vai unir as Ilhas ao poderio ascendente da Mãe dos Dragões. Temendo as represálias de Euron, Yara e Theon fogem com uma frota de navios.

Na Baía dos Escravos, a frágil paz que Tyrion havia conseguido estabelecer está em ruínas, bem quando Dany retorna nas costas de Drogon, junto ao seu novo exército dothraki. Ela resolve usar a força, e ataca os mestres e suas frotas com seus três dragões. Logo depois, Theon e Yara chegam a Meereen e se aliam a Dany, alertando a rainha sobre os planos de Euron.

De Porto Real às Terras Fluviais


Tentando voltar à forma, Cersei quer usar seu novo campeão, Sor Robert Strong (uma 'versão zumbi' de Gregor Clegane) em um julgamento por combate contra a Fé.

Os Frey e os Tully voltam à história, quando Brynden 'Peixe Negro' (Clive Russell) retoma o comando de Correrrio. Tommen envia Jaime para as Terras Fluviais, para ajudar os Frey a retomarem o controle da região, ao mesmo tempo em que é convencido pelo Pardal a dar à Fé poder igualitário ao da Coroa. Ainda sob o controle do Septo, Margaery tem um novo plano para escapar, e consegue avisar à avó Olenna (Diana Rigg) que ela deve deixar Porto Real e voltar para Jardim de Cima.

Ao norte, Jon e Tormund (Kristofer Hivju) se organizam para investirem contra os Bolton em Winterfell. Mindinho quer reconciliação com Sansa, que envia Brienne às Terras Fluviais para tentar o apoio dos Tully. Chegando lá, Brienne se reencontra com Jaime, apenas para se separarem novamente quando Brynden se recusa a abandonar o castelo e morre defendendo-o.

Enquanto isso, em Porto Real, Tommen anuncia que Julgamento por Combate não é mais uma opção, e que Cersei precisará ser julgada da mesma forma que Margaery e Loras. No entanto, ela tem um plano um tanto mais sombrio com Qyburn.

A Batalha dos Bastardos

Um outro combate se desenvolve ao Norte, quando Jon fica frente a frente com Ramsay Bolton e organiza o ataque a Winterfell, a fim de resgatar Rickon. É a Batalha dos Bastardos, que reúne as famílias vassalas do Norte se aliando ao pretendente que representa os Stark. A sangrenta batalha termina com centenas de mortos, Sansa entregando Ramsay para ser comido vivo pelos cães, e o estandarte do Lobo Gigante novamente estendido nas muralhas de Winterfell.

A Explosão do Septo de Baelor

Na Capital, é o dia do Julgamento pela Fé, e o plano de Cersei ser colocado em prática. Ao invés de ir até o Septo, ela permanece na Fortaleza Vermelha, enquanto manda explodir a sede da Fé com Fogovivo. Margaery, Loras e o Pardal morrem imediatamente, enquanto ela assiste à cena de sua Torre. Tommen comete suicídio e Cersei é a nova rainha. Depois de terminar o seu treinamento, fugir de Braavos e retornar para Winterfell, Arya (Maisie Williams) surge disfarçada nas Gêmeas e mata Walder Frey (David Bradley) em vingança pelo Casamento Vermelho.

Os Dragões dos Sete Reinos


Depois de negociar uma rendição dos Grandes Mestres e atacá-los com seus dragões, Daenerys deixa Meereen, decidindo enfim ir para Westeros, desta vez com uma grande frota de aliados. Ela deixa Daario Naharis para comandar a cidade, e assume o controle de uma imensa frota de navios — dos aliados Greyjoy e Tyrell — rumo aos Sete  Reinos.

A temporada termina com Dany à frente da frota de embarcações, ladeada por Tyrion, Missandei, Lorde Varys, Yara, Theon e Verme Cinzento. Acima, Drogon, Rhaegal e Viserion sobrevoam as centenas de navios que atravessam o Mar Estreito para favorecer a causa de Daenerys Targaryen e seu clamor ao Trono de Ferro.

AdoroCinema
  • separator
  • comentários
publicidade