2 eventos ao vivo

Angry Birds 2: Compositor brasileiro revela desafios de dar tom às piadas do filme (Entrevista Exclusiva)

O AdoroCinema conversou com Heitor Pereira, responsável por trilhas sonoras não só de Angry Birds, mas também da franquia Meu Malvado Favorito.

5 out 2019
08h50
  • separator
  • 0
  • comentários

Angry Birds 2 - O Filme chegou aos cinemas na última quinta-feira (03) trazendo para as telonas uma nova aventura para Red, Chuck e Bomba. Os protetores da Ilha dos Pássaros em tempo integral agora farão uma trégua com os porcos liderados por Leonardo para se defender de uma terceira ilha misteriosa.

Foto: Sony Pictures / AdoroCinema

Enquanto Angry Birds 2 traz inúmeras canções famosas — algumas, inclusive, que são focos de piadas durante a produção — são as melodias de fundo que compõem grande parte da trilha sonora. Quem ficou a cargo de dar tom a essa trama divertida e com ares de aventura e espionagem foi o brasileiro Heitor Pereira, responsável por compor músicas para a franquia Meu Malvado Favorito e produções como Os Smurfs, PéPequeno e o inédito Playmobil. Convidado pelo produtor John Cohen, ele já é da casa, tendo trabalhado no primeiro e no segundo Angry Birds. Pereira conversou com exclusividade com o AdoroCinema sobre suas inspirações para o filme e ter um "pézinho brasileiro" em Hollywood.

"A música se altera muito por causa da natureza da história", explicou ele. "Por isso que eu decidi ir na direção dos personagens vivendo em uma missão em que eles têm que se tornar agentes especiais, de certa forma. A inspiração vem de Meu Malvado Favorito, que tem mais esse tipo de espírito e eu também compus, Missão Impossível e todos esses outros filmes de 'polícia e ladrão'".


A principal vantagem para Heitor Pereira ao trabalhar em trilhas sonoras de animação, em comparação a filmes live-action, é o fato de que a própria animação tem o papel de influenciar a atuação dos dubladores. Consequentemente, a música "pode ser um pouco mais direto em termos de emoções". Além disso, possibilita que o compositor trabalhe com orquestra, algo que ele diz adorar fazer mas nem sempre é possível. Segundo ele, somente filmes grandes, de estúdios de animação e de super-herói, "podem pagar por três, quatro, cinco dias de orquestra". "Então, eu me sinto privilegiado, quando estou trabalhando nesse tipo de gênero", revela.

"Por mais bem feita que a animação seja, a música tem que realmente trazer a alma do filme, ou ampliá-la. É a minha forma de colaborar na história, dar mais profundidade aos personagens e contribuir para que eles se tornem cada vez mais fáceis de comunicar com o público", disse ele, revelando, emocionado, algo que aprende a cada dia: "o significado emocional das notas musicais".


De acordo com Heitor, o diferencial de Angry Birds 2 em relação a outras trilhas sonoras que ele mesmo compôs foram as músicas específicas de cada pássaro do filme. "Os novos personagens trouxeram novas melodias, que têm uma certa personalidade e se juntam aos temas já existentes", comentou. "Eu diria que a música 'cresceu', porque agora eu tenho mais trilhas para trabalhar e conversar entre si. A melodia do Red, do Bomba e do Chuck funcionam ao lado da harmonia da Silver, que é irmã do Chuck. Tem também os filhotes, que eu criei uma melodia de aventura, só que mais juvenil porque todas essas personalidades dos novos personagens se tornam música e permitem fazer uma coisa mais abrangente".

Heitor ainda destacou o desafio de inserir canções nas cenas de comédia de Angry Birds 2, com a necessidade de equilibrar as notas musicais ao timing das piadas — trabalho que foi alinhado com os diretores do filme, Thurop Van Orman e John Rice.

Atuando no exterior por mais de 20 anos, o compositor apontou que nós, brasileiros, somos um povo muito misturado, cidadãos do mundo, que podemos atuar e sermos reconhecidos em qualquer área de qualquer lugar — como ele tem sido na trilha sonora internacional. "Isso é uma coisa que talvez me facilite um pouco ser parte dessa comunidade universal".


Heitor Pereira no lançamento de Meu Malvado Favorito 3.

Pereira aproveitou para adiantar alguns de seus próximos projetos: Playmobil, que estreia no Brasil no dia 12 de dezembro; Minions 2, previsto para 2 de julho de 2020; além de um projeto secreto em live-action ao lado de Hans Zimmer.

Angry Birds 2 está em cartaz nos cinemas. Leia a nossa crítica.

AdoroCinema
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade