9 eventos ao vivo

A Caçada: Universal cancela lançamento de thriller satírico após onda de tiroteios nos Estados Unidos

Filme chegaria aos cinemas em outubro.

12 ago 2019
13h23
atualizado às 13h29
  • separator
  • 0
  • comentários

Após a onda de tiroteios nos Estados Unidos nas últimas semanas — com os massacres em Ohio, Texas e Califórnia —, a Universal Pictures resolveu cancelar o lançamento nos cinemas de A Caçada, novo terror produzido por Jason Blum que tem no centro da história um jogo de caça a humanos.

Foto: AdoroCinema / AdoroCinema

Escrito por Damon Lindelof e Nick Cuse, e dirigido por Craig Zobel (um trio que já trabalhou junto em um dos melhores episódios de The Leftovers, "International Assassin"), The Hunt aparenta tirar inspiração do livro "Zaroff: O Jogo Mais Perigoso", de Richard Connell, com fortes desdobramentos políticos e comentários sobre o bipartidarismo e disputas ideológicas.

De acordo com a sinopse oficial, a história acompanha "doze estranhos que acordam em uma clareira sem saber onde estão, ou como chegaram lá. Às sombras de uma obscura conspiração da internet, um grupo da mais alta elite global se reúne pela primeira vez em uma remota Casa Senhorial para caçar humanos por esporte. Mas o plano da elite está prestes a ser impedido porque uma das caças, Crystal (Betty Gilpin), conhece o jogo dos Caçadores melhor do que eles mesmos. Ela vira a mesa dos assassinos, capturando-os um a um, à medida que traça seu caminho até uma misteriosa mulher (Hilary Swank) que está no centro de tudo."

O anúncio do cancelamento foi feito no sábado (10), um dia depois do presidente Donald Trump ter feito ácidos comentários em seu Twitter a respeito de um filme (apesar de não ter dito o nome) e da indústria do cinema. Ele afirmou que "a Hollywood Liberal é racista nos mais altos níveis, e com muito ódio e raiva! Eles gostam de se intitularem 'elite', mas não são elite. De fato, normalmente são pessoas contra quem eles se opõem que são a verdadeira elite. O filme que vai sair é feito para inflamar e provocar caos. Eles criam sua própria violêcia, e tentam culpar outros. Eles são os verdadeiros racistas, e são muito ruins para o país!"

Mesmo antes de Trump opinar a respeito de The Hunt, a sátira havia levantado polêmicas nas redes sociais devido à violência armada em meio a uma onda de massacres supremacistas nos Estados Unidos. Curiosamente, trata-se do caso de um filme que foi criticado tanto pela esquerda — já que o trailer mostra supostamente eleitores de Trump e simpatizantes do "Make America Great Again" como as vítimas, as caças — e pela direita, após o presidente estadunidense ter acusado a peça de incitar ódio e racismo. Vale lembrar que qualquer crítica, positiva ou negativa, é baseada apenas no trailer e no material de divulgação.

"Embora a Universal Pictures já tenha pausado a campanha de divulgação de A Caçada, após longa consideração, o estúdio decidiu cancelar os planos de lançamento do filme", afirmou a Universal em comunicado. "Apoiamos nossos cineastas e vamos continuar a distribuir filmes em parceria com criadores ousados e visionários, como aqueles associados com este thriller satírico social, mas nós entendemos que agora não é o momento correto para lançar este filme."

É inteiramente possível que, eventualmente, o filme seja lançado silenciosamente em algum canal VOD ou de streaming. Por enquanto, no entanto, não há nenhuma previsão neste sentido.  No Brasil, o longa já tinha lançamento marcado para 24 de outubro e, ao AdoroCinema, a assessoria informou que o lançamento nacional também está suspenso. 

AdoroCinema
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade