0

Polônia publica 'Mein Kampf' como homenagem a vítimas do nazismo

18 jan 2021
11h47
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Uma edição com comentários críticos do livro "Mein Kampf", o manifesto escrito por Adolf Hitler, será republicada na Polônia na quarta-feira (20), informou o editor e historiador Eugeniusz Krol. Essa é a primeira vez desde o fim da ocupação nazista que o livro será divulgado no país de maneira oficial.
    "De acordo com os críticos, a publicação desse livro é uma ofensa para as vítimas do nazismo. Na minha visão, é exatamente o oposto", disse Krol, que nos últimos três anos se dedicou à tradução e a produção dos comentários acadêmicos na obra. Para ele, o objetivo é "homenagear as vítimas" do regime.
    Segundo a editora Bellona, serão impressas três mil cópias do livro e a publicação "não será amplamente acessível". Para o diretor da editora, Zbignew Czerwinski, em entrevista à AFP, a obra "é acima de tudo um alerta sobre como é fácil desmantelar a democracia e construir um regime totalitário de uma forma quase invisível".
    "Mein Kampf" ("Minha Luta") foi publicado pela primeira vez em 1925 e, em 2016, o domínio do livro tornou-se público. Apesar disso, apenas uma reedição alemã foi divulgada naquele ano, também com anotações acadêmicas.
    Já na Polônia, versões piratas da obra circulam há anos e, em 2005, um tribunal alemão chegou a pedir o recolhimento dos exemplares - que tinham os direitos à época nas mãos do governo da Baviera. .
   

Veja também:

Conheça cinco casas modernistas em São Paulo
Ansa - Brasil   
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade