PUBLICIDADE

Itália ganha exposição sobre influência de Dante na arte

Mostra acontece em Forlì, uma das paradas do poeta no exílio

7 mai 2021 13h59
| atualizado às 14h08
ver comentários
Publicidade

A cidade de Forlì, no centro-norte da Itália, ganhou uma exposição em homenagem ao poeta Dante Alighieri, cuja morte completa 700 anos em 2021.

Exposição dedicada a Dante Alighieri em Forlì, na Itália
Exposição dedicada a Dante Alighieri em Forlì, na Itália
Foto: Ansa / Ansa - Brasil

A mostra acontece nos Museus de San Domenico, em parceria com as Gallerie degli Uffizi, de Florença, e reúne cerca de 300 obras inspiradas no gênio literário de Dante.

"Não escolhemos Forlì por acaso, foi uma das etapas do exílio de Dante por estar no caminho entre Florença [sua cidade natal] e Ravenna [local de sua morte]", explicou o diretor dos Uffizi, Eike Schmidt. Segundo ele, Forlì é um lugar "neutro" para não reacender a histórica rivalidade entre as cidades que marcaram o início e o fim da vida do poeta.

Chamada "Dante: a visão da arte", a exposição fica em cartaz até 11 de julho e reúne pinturas, esculturas, desenhos, manuscritos e ilustrações, cobrindo quase sete séculos de história artística, de Cimabue (1240-1302) a Picasso (1881-1973).

A mostra também inclui trabalhos de artistas como Giotto, Michelangelo, Tintoretto, Canova e Andrea del Castagno, autor de uma das mais famosas reproduções do retrato de Dante.

As Gallerie degli Uffizi emprestaram cerca de 50 obras para a exposição, que ainda apresenta peças cedidas por instituições como o Hermitage, de São Petersburgo, o Museu d'Orsay, de Paris, e os Museus Vaticanos.

"Além de ser um símbolo de resgate e renascimento para o mundo da arte e da cultura, celebrar Dante em 2021 significa retornar às bases fundadoras da Itália e de sua civilização", disse Gianfranco Brunelli, diretor de exposições da Fundação Cassa dei Risparmi di Forlì, patrocinadora da mostra.

Ansa - Brasil   
Publicidade
Publicidade