PUBLICIDADE

Flórida FC é campeão da 1ª Divisão de Embu-Guaçu

Principal competição da cidade da grande São Paulo esteve paralisada por 2 anos devido a pandemia da covid-19

24 mai 2022 05h00
| atualizado em 14/6/2022 às 15h03
ver comentários
Publicidade
Torcedores e Jogadores festejam primeiro título da equipe na 1ª Divisão
Torcedores e Jogadores festejam primeiro título da equipe na 1ª Divisão
Foto: Rubens Rodrigues

Foram quase dois longos anos de espera para que a bola voltasse a rolar em um campeonato oficial na cidade de Embu-Guaçu, região metropolitana de São Paulo. Após o período de suspensão por causa da pandemia do coronavírus, a Secretaria de Esportes e Lazer iniciou em janeiro a edição da Primeira Divisão de futebol amador.

Dezesseis equipes disputaram a edição deste ano, que teve sua fase final no domingo (15) com o confronto entre Expressinho e Flórida FC, no Estádio do Vila Dirce, no distrito do Cipó.

Os gols da partida só foram marcados no segundo tempo. E foi no rápido contra-ataque formado por Pet e Danilo, que Felipe Silva, o Felipinho, aproveitou cruzamento rasteiro para abrir o placar pro Flórida FC. "O gol teve um sabor diferente, pois é a terceira vez que enfrento o Expressinho em uma final, na qual eu fui feliz por duas vezes, e é natural que isso acabe se tornando uma rivalidade", disse o artilheiro da final.

"Foi muito bom ser campeão aqui pelo Flórida, muitos desacreditaram por sermos estreantes na Primeira Divisão, mas entramos muito confiante e isso ajudou a equipe", conta o camisa 11. Neste ano, o Flórida FC ocupou a vaga do Raspa Canela FC na competição.

Em busca do empate, o Expressinho apostava bastante nas bolas paradas, mas sem muito sucesso. O triunfo do Flórida veio com Alison já nos acréscimos. Na troca de passes entre Danilo e Leandro, o atacante recebeu livre na grande área e ampliou o marcador.

Foto: Arquivo pessoal

"É muito bom chegar a uma final e fazer gol. Ainda mais depois de um bom tempo sem jogar por causa da paralisação da pandemia. Sempre sonhei em ver o time da nossa quebrada no topo, o que essa torcida fez hoje aqui é algo que me emociona", conta o vice-artilheiro da competição.

O campeonato teve como artilheiro o atacante Maciel Cunha, do Bate Cabeça FC, com nove gols, e Beto do Expressinho FC como o melhor goleiro da competição, sofrendo apenas sete gols.

Na cerimônia de entrega, o prefeito da cidade de Embu-Guaçu, José Antônio, prometeu melhorar a premiação do campeonato que contemplou o campeão e o vice com troféu e medalhas. 

Fonte: Rubens Rodrigues Apaixonado por futebol desde moleque, Rubens Rodrigues sempre colou nos terrões da várzea de Embu-Guaçu, na Grande São Paulo, para "brincar de ser repórter". Anos depois, resolveu que a brincadeira passaria a fazer parte da sua realidade de vida e começou a cursar Jornalismo. Criou o Blog Bola Rolando, em 2014, para continuar contando histórias da várzea.
Publicidade
Publicidade