PUBLICIDADE

Xiaomi 14 Ultra deve ganhar bateria maior e carregamento de 90 W

Xiaomi 14 Ultra deve chegar no ano que vem com uma bateria um pouco maior que Xiaomi 13 Ultra, mas com carregamento mais lento que Xiaomi 14 Pro

1 dez 2023 - 18h10
(atualizado às 20h28)
Compartilhar
Exibir comentários

A Xiaomi deve expandir sua família de smartphones premium no ano que vem, com a chegada do Xiaomi 14 Ultra. Até o momento, tudo indica que o aparelho terá diversas novidades importantes na parte de câmeras, e as informações mais recentes apontam uma bateria maior que a do atual Xiaomi 13 Ultra.

Foto: (Imagem: Divulgação/Xiaomi) / Canaltech

O informante DigitalChatStation trouxe mais detalhes a respeito do novo smartphone premium da Xiaomi, usando seu perfil na rede social chinesa Weibo.

Segundo ele, o Xiaomi 14 Ultra deve contar com uma bateria de 5.180 mAh, um pouco maior que os 5.000 mAh encontrados no Xiaomi 13 Ultra — existiam rumores que citavam uma célula de 5.500 mAh, mas pode ser que esse não seja mais o caso.

Xiaomi 14 Ultra deve ter bateria um pouco maior que o atual modelo, Xiaomi 13 Ultra (Imagem: Reprodução/DigitalChatStation)
Xiaomi 14 Ultra deve ter bateria um pouco maior que o atual modelo, Xiaomi 13 Ultra (Imagem: Reprodução/DigitalChatStation)
Foto: Canaltech

Além disso, há a expectativa de que tenha suporte a carregamento por fio de 90 W, enquanto a carga sem fio chegará a até 50 W. Essas são as mesmas características vistas no 13 Ultra, mas por algum motivo será abaixo dos 120 W que o Xiaomi 14 Pro é capaz de suportar.

No caso do Xiaomi 13 Ultra, ele carregava de 0 a 100% em 35 minutos, enquanto o Xiaomi 14 Pro tem uma carga completa em somente 18 minutos.

Xiaomi 14 Ultra deve manter foco em câmeras

Outros vazamentos já anteciparam informações a seu respeito, principalmente relacionado ao seu conjunto fotográfico. Assim como a geração atual, ele deve contar com um conjunto quádruplo de câmeras, sendo uma principal, uma utlrawide, um de zoom óptico de 3,2x e outra periscópica com aproximação de 5x — o zoom máximo permitido deve chegar a 120x, usando combinação do zoom óptico com o digital.

Todas as suas câmeras traseiras devem ser de 50 MP, sendo que o sensor principal deve usar um sensor Sony LYTIA LYT-900, com abertura de lente variável similar à do Xiaomi 14 Pro, indo de f/1,6 a f/4.0.

Além disso, o aparelho deve contar com o processador Qualcomm Snapdragon 8 Gen 3, seguindo os seus irmãos Xiaomi 14 e Xiaomi 14 Pro — eles foram os primeiros modelos a serem anunciados com o chipset. Além disso, deve ter tela AMOLED curvada para os quatro lados com resolução 2K e suporta taxa de atualização de 120 Hz.

Não existe uma data confirmada para o seu lançamento, mas é esperado que seja apresentado em algum momento no primeiro trimestre de 2024, possivelmente em março.

Fonte: Weibo

Trending no Canaltech:

Canaltech
Compartilhar
Publicidade
Publicidade