PUBLICIDADE

Starlink lança antena de internet portátil perfeita para mochileiros

O Starlink Mini é uma antena de internet portátil que atinge até 100 Mbps de download e cabe na mochila; lançamento no Brasil não foi confirmado

23 jun 2024 - 02h15
(atualizado em 24/6/2024 às 06h03)
Compartilhar
Exibir comentários

A SpaceX, empresa comandada por Elon Musk que possui o serviço de internet via satélite Starlink, anunciou, nesta sexta-feira (21), o lançamento do Starlink Mini. Como o nome já indica, é uma antena de internet compacta que promete levar conexão a qualquer lugar.

Foto: Reprodução/Twitter / Canaltech

O Starlink Mini possui praticamente o tamanho de notebook, com dimensões de 298,5 x 259 x 38,5 mm e apenas 1,1 kg. Aliado a certificação IP67, que o protege contra água e poeira, o aparelho ser utilizado por aventureiros — desde que o país tenha suporte aos satélites orbitais da SpaceX.

Starlink Mini tem apenas 1,5kg e cabe na mochila (Imagem: Reprodução/Twitter)
Starlink Mini tem apenas 1,5kg e cabe na mochila (Imagem: Reprodução/Twitter)
Foto: Canaltech

Dentro da antena, temos um roteador que consegue entregar até 100 Mbps de download, impressionante considerando as suas dimensões. Seu consumo também é baixo, na casa dos 20-40 W. Segundo o próprio Elon Musk, CEO da SpaceX, configurar o dispositivo leva apenas cinco minutos e é "facilmente carregável na mochila". "Esse produto vai mudar o mundo", disse o executivo.

O lançamento inicial ocorre nos EUA como um adicional aos planos residenciais. A unidade custa US$ 599, enquanto o valor extra para adicioná-lo ao plano será US$ 30 — ou seja, a mensalidade ficará US$ 150. Essa assinatura garante 50 GB de dados móveis por mês, e será cobrado US$ 1 por GB utilizado após o acordado. As informações são dos convites de acesso antecipado enviados a alguns usuários.

Além dos EUA, o Starlink Mini também será vendido na Colômbia, El Salvador, Guatemala e Panamá. Curiosamente, nesses países, não há limite de dados, mas o uso em movimento e no oceano não será permitido. O Brasil ficou de fora dessa primeira leva, mas a promessa de Musk é levar o dispositivo a mais países.

Fonte: The Verge

Trending no Canaltech:

Canaltech
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade