PUBLICIDADE

Redmi 14C 5G, novo intermediário da Xiaomi, ganha previsão de lançamento

Redmi 14C 5G é homologado em banco de dados global confirmando modelo de número e previsão de anúncio para o fim de 2024

21 jun 2024 - 20h33
(atualizado em 22/6/2024 às 01h18)
Compartilhar
Exibir comentários

O Redmi 14C 5G acaba de passar por mais uma certificação e foi encontrado no banco de dados do IMEI reforçando a estreia em breve do dispositivo. O smartphone intermediário da Xiaomi será o sucessor do Redmi 13C 5G, lançado no Brasil em maio por R$ 1.999.

Foto: Xiaomi / Canaltech

A documentação confirma a existência de quatro versões do Redmi 14C 5G para diferentes regiões: global, chinesa, japonesa e indiana.

Todas as variantes compartilham o modelo de número "2411DRN47" e, por ser tradição dentro da Xiaomi, os quatro primeiros algarismos informam o ano e o mês de lançamento do produto. Sendo assim, é possível que o Redmi 14C 5G seja lançado em novembro de 2024.

Não existem maiores detalhes relacionados ao futuro intermediário de entrada da Xiaomi, mas podemos esperar avanços em relação ao modelo atual.

Sucessor do Redmi 13C (acima) deve apostar em pequenas melhorias para manter foco em preço baixo (Imagem: Reprodução/Xiaomi)
Sucessor do Redmi 13C (acima) deve apostar em pequenas melhorias para manter foco em preço baixo (Imagem: Reprodução/Xiaomi)
Foto: Canaltech

O Redmi 13C 5G foi anunciado em dezembro e chegou ao Brasil em maio com tela de 6,7 polegadas de tecnologia IPS LCD, taxa de 90 Hz e resolução HD, adotando ainda um chip Dimensity 6100 Plus da MediaTek.

Este é o mesmo processador que equipa concorrentes diretos como o Galaxy M15 5G (review), Galaxy A15 5G (review), Realme 12X, Poco M6 5G entre outros.

Outras especificações do Redmi 13C 5G incluem bateria de 5.000 mAh com recarga de apenas 18 Watts, câmera dupla traseira com apenas um sensor para uso real de 50 MP e leitor biométrico lateral.

Esperamos que o Redmi 14C 5G aposte em bateria maior com carregamento mais rápido, câmeras melhores e tela atualizada para qualidade de imagem superior.

Mais detalhes a respeito do intermediário de entrada da Xiaomi devem surgir muito em breve, e como seu antecessor foi lançado no Brasil é provável que a nova geração também chegue em solo nacional.

Fonte: Gizmochina

Trending no Canaltech:

Canaltech
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade