PUBLICIDADE

O que é icterícia neonatal?

Icterícia neonatal é provocada pela alta concentração de bilirrubina no sangue dos bebês, como aconteceu com filha da Viih Tube. Quadro é comum e tem tratamento

14 abr 2023 - 13h12
(atualizado às 17h42)
Compartilhar
Exibir comentários

Comum em recém-nascidos, a icterícia neonatal é uma condição que deixa a pele e o branco dos olhos amarelados. Na maioria das vezes, não tem complicações médicas, mas é sempre importante investigar a causa e fazer o acompanhamento adequado dos sintomas. É o que tem feito o casal de ex-BBBs Viih Tube e Eliezer, com a sua filha Lua.

Nascida no último domingo (9), a bebê de Viih Tube foi diagnosticada com icterícia neonatal. No caso de Lua, a equipe médica entendeu que era preciso tratá-la — em alguns casos, a doença "passa" sem tratamento. Agora, a recém-nascida recebe sessões de fototerapia, ou seja, um banho de luz azul.

"Ela [a Lua] precisou de banho de luz por conta da icterícia. Meu coração doeu, porque não é fácil, mas conseguimos e tivemos alta depois", detalhou a mãe nas redes sociais, após a alta.

O que causa icterícia neonatal

Vale explicar que a icterícia neonatal ou não — sim, pessoas adultas também podem desenvolver o quadro que torna a pele e os olhos amarelados, como pacientes com hepatite — é provocada pelo acúmulo de bilirrubina no sangue. Basicamente, esta é uma substância amarela produzida quando os glóbulos vermelhos, que transportam oxigênio pelo corpo, são decompostos, mas não são devidamente eliminados pelo fígado.

Foto: Haveseen/Envato / Canaltech

Pensando nos bebês, eles têm naturalmente um alto número de glóbulos vermelhos no sangue. Em paralelo, o fígado dos pequenos ainda não está totalmente desenvolvido, sendo pouco eficaz na remoção da bilirrubina do sangue. Isso só começa a mudar a partir dos 10 primeiros dias de vida.

Icterícia é condição frequente entre os recém-nascidos

Embora mães e pais de primeira viagem possam se surpreender com as eventuais alterações do seu bebê, "a icterícia neonatal é uma das condições mais comuns que podem afetar os recém-nascidos", afirma o Serviço Nacional de Saúde (NHS), no Reino Unido.

Por exemplo, seis em cada 10 bebês desenvolvem o quadro nos primeiros dias de vida. Esta relação é ainda maior em bebês prematuros, que nasceram antes da 37ª semana de gravidez, onde a relação é de oito para 10. No entanto, apenas um em cada 20 vai precisar de um tratamento especial devido ao alto nível de bilirrubina no sangue.

Sintomas mais comuns da icterícia

A pele e o fundo dos olhos amarelados não são os únicos sintomas da icterícia neonatal. Alguns bebês também apresentam alterações nas fezes e na urina. Esta última se torna bastante escura, sendo que o xixi ideal dos pequenos é bem clarinho, quase transparente.

De forma geral, a condição se desenvolve em até 48 horas após o nascimento e tende a melhorar, sem tratamento, quando o bebê atinge as duas semanas de vida. No entanto, é sempre importante investigar a causa, já que, eventualmente, pode indicar um problema mais grave.

Quais tratamentos são recomendados para icterícia neonatal?

Como explicamos, o tratamento da icterícia é normalmente recomendado quando os níveis de bilirrubina não baixam no sangue ou quando a condição se prolonga por muito tempo. Nessas circunstâncias, existem dois tratamentos principais:

  • Fototerapia: é a estratégia mais comum para melhorar o quadro, inclusive é a que foi adotada para a bebê da Viih Tube. Aqui, a exposição à luz azul altera a estrutura da bilirrubina, o que facilita o seu processamento pelo fígado;
  • Transfusão de troca: a ideia é tirar parte do sangue do bebê e substituí-la pelo sangue de um doador saudável e compatível.

Os tratamentos são importantes, mas apenas em casos mais graves. Por exemplo, quando o quadro não se resolve sozinho e os níveis de bilirrubina continuam altos, há o risco do pequeno desenvolver um tipo de dano cerebral conhecido como Kernicterus (encefalopatia bilirrubínica). Só que isso é realmente raro.

Fonte: NHS e Mayo Clinic  

Trending no Canaltech:

Canaltech
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade