PUBLICIDADE

Kodak volta ao Brasil com câmera instantânea Mini Shot

Novas câmeras instantâneas da Kodak também servem como impressora de fotos Bluetooth, podendo imprimir fotos do celular via wireless

28 fev 2024 - 22h27
(atualizado em 29/2/2024 às 12h27)
Compartilhar
Exibir comentários

A Kodak oficializou, nesta quarta-feira (28), o seu retorno ao Brasil com sua nova linha de câmeras instantâneas. As Mini Shot 2 Retrô e Mini Shot 3 Retrô prometem unir o retrô à atualidade com máquinas não só fotográficas, como também impressoras de foto.

Kodak Mini Shot imprime e tira fotos

A Mini Shot 2 Retrô e a Mini Shot 3 Retrô são quase idênticas. Ambas possuem uma câmera com sensor OmniVision de 10 MP, gerando fotos com resolução de 3.872 x 2.592 pixels. A lente é grande-angular (25,4 mm).

Kodak Mini Shot 2 e Mini Shot 3 lado a lado (Diego Sousa/Canaltech)
Kodak Mini Shot 2 e Mini Shot 3 lado a lado (Diego Sousa/Canaltech)
Foto: Canaltech

A impressão das fotos é feita através da tecnologia patenteada Dye Sublimation, comumente usado em raio-X e impressões gráficas. A solução promete uma qualidade de imagem superior e muitos anos de "vida", já que tem base em plástico. Além disso, ela é mais barata.

As imagens geradas pelas câmeras podem ser impressas localmente. O que muda é a proporção da impressão — a Mini Shot 3 imprime em formato quadrado (3 x 3) e a Mini Shot 2, no tipo cartão visita (2,1 x 3,4).

A parte inteligente disso tudo é que você consegue não só imprimir as fotos localmente, como enviar fotos do celular para as câmeras imprimirem, tudo através da conexão Bluetooth. Para isso, você utiliza o aplicativo Kodak Photo Printer, que possui inúmeros efeitos de foto, molduras, filtros, realidade aumentada e mais.

A câmera também consegue identificar as condições do ambiente e ajustar as propriedades da imagem, algo que já é possível nos smartphones. Para visualizar as imagens, o dispositivo também tem uma tela de 1,77 polegada, como também botões direcionais e um específico para impressão.

A Mini Shot Retrô já vêm com duas caixas de suprimentos na embalagem que imprimem 60 fotos no total. Esse acessório também será vendido oficialmente no Brasil e custa R$ 109.

Movimento retrô foi motivo para o retorno

Fernando Perfeito, Diretor de Marketing e Vendas da Brazil Electronics, diz que o retorno da Kodak ao Brasil se deu por um movimento retrô no mundo muito forte nos últimos anos, impulsionado pela geração Z.

Fernando Prefeito, diretor de Marketing e Vendas da Brazil Electronics (Imagem: Diego Sousa/Canaltech)
Fernando Prefeito, diretor de Marketing e Vendas da Brazil Electronics (Imagem: Diego Sousa/Canaltech)
Foto: Canaltech

O executivo afirmou ainda que, desde 2017, a linha Mini Shot vendeu 5 milhões de unidades nos EUA, e espera repetir o sucesso no Brasil. A expectativa da fabricante é vender 10 mil unidades por mês. Vale mencionar que os produtos estarão em exibição na Fast Shop.

Preço e disponibilidade

As duas câmeras e o cartucho de reposição já estão à venda inicialmente nas lojas físicas e online da Fast Shop. A Mini Shot 2 Retrô tem o preço sugerido de R$ 1.599 enquanto a Mini Shot 3 Retrô sai por R$ 1.699.

Quem traz os produtos da Kodak ao Brasil é a Brazil Electronics, uma importadora especialista em marcas tradicionais. Guzzini e Trezor são outros nomes que a Brazil Electrónics trouxe ao país.

Trending no Canaltech:

Canaltech
Compartilhar
Publicidade
Publicidade