Monte seu e-commerce e divulgue sua marca no Terra

SPFW: cores, crochê, estampas e mais tendências dos desfiles

26 nov 2021 11h27
Compartilhar

Os desfiles do SPFW que aconteceram de forma chamada "phygital", que misturou desfiles físicos (presenciais) com digitais, apresentaram tendências que prometem ficar por muito tempo no nosso estilo de encarar os looks do dia.

Vivi Orth no desfile do Lino Villaventura
Foto: Agência Fotosite/Divulgação / Elas no Tapete Vermelho

Além da diversidade de raças, silhuetas e idades na passarela, as grifes mostraram muita cor, seja em monocromia, em looks bicolores e em estampas. O eterno xadrez, crochê e brilho também estão entre as principais trends.

Publicidade

Tanto as cores quanto o brilho entram nas trends batizadas como "efeito dopamina". Ou seja, levar para o cérebro a imagem de alegria, de vida, de looks iluminados, após os meses de reclusão e de incertezas relativas à própria sobrevivência imposta pela pandemia.

Irrita
Foto: Marcelo Krasilcic/Divulgação / Elas no Tapete Vermelho

Com o número de vacinação em alta, apesar do aumento de casos em vários países, a moda reflete uma vontade de liberdade e euforia, traduzidas pelos tons fortes e pelo efeito brilhante. Há ainda o feito à mão em alta e estampas eternas sempre se mantêm como clássicos no guarda-roupa, mesmo com uma leitura mais moderna.

Separamos 6 tendências vistas em vários desfiles para você conferir e se inspirar.

SPFW: 6 tendências das passarelas que vieram para ficar
Video Player

Publicidade

MONOCROMIA

Monocromia em vários tons (Fotos: Agência Fotosite/Divulgação)
Foto: Elas no Tapete Vermelho

A monocromia foi um dos pontos altos entre as tendências do SPFW. E tem para todos os gostos, corpos e estilos. Do branco total, passando pelo bege até chegar nas cores mais aceVem em branco e em todas as cores da cartela, em looks variados e para todas as ocasiões. Na foto, da esquerda para a direita, looks da Handred, Baska, Apartamento 03, Weider Silveiro, Neriage e Ângela Brito.

BICOLOR

Looks bicolores (Fotos: Agência Fotosite/Divulgação/Rosângela Espinossi)
Foto: Elas no Tapete Vermelho

Sabe aquele tradicional bicolor em preto e branco? Sim, é clássico e está sempre em alta, mas as passarelas colocaram mais cor na combinação. A combinação em tons vivos e contrastantes confere elegância e sofisticação aos looks. Surge com tecidos tingidos, com duas peças, na combinação de saia e camisa ou com sobreposições de tecidos. Nas fotos, da esquerda para a direita, looks de Santa Resistência, Neriage, Isaac Silva e Neriage outra vez.

ESTAMPAS

Estampas coloridas (Fotos: Agência Fotosite/Divulgação/Rosângela Espinossi)
Foto: Elas no Tapete Vermelho

Figurativas, manchadas, feitas à mão, com inspiração africana, as estampas alegram o visual e aparecem para colorir ainda mais as roupas no pós-pandemia. Em looks masculinos, femininos e unissex. A maioria com modelagem ampla, outra tendência em alta. E como os crochês estão em alta, os desenhos em tons fortes também aparecem nas criações. Há também as estampas em preto e branco, mas em estampas amplas, algumas ligadas à natureza. Na foto, da esquerda para a direita, looks de Naya Violeta, Lenny Niemeyer, Santa Resistência, Torinno, Meninos Rei e Ponto Firme.

Publicidade

BRILHO

Brilho prateado e dourado (Fotos: Agência Fotosite/Divulgação/Rosângela Espinossi)
Foto: Elas no Tapete Vermelho

Assim como as cores, o brilho em prata e dourado também apareceu na passarela para trazer luz e brilho neste quase pós-pandemia. Vestidos e macacões vêm para fazer as mulheres brilharem ainda mais, principalmente em tempos de pós-pandemia, o que foi provado nos desfiles do SPFW. Nas fotos, da esquerda para a direita, looks da Lilly Sarti, Alinne Moraes de Torinno e Walério Araújo.

XADREZ

Xadrezes variados (Fotos: Agência Fotosite/Divulgação)
Foto: Elas no Tapete Vermelho

Quadriculados, clássicos, feitos de crochê. Não importa, o eterno xadrez mantém-se firmes e fortes entre as tendências para verão e inverno 2022. A padronagem aparece em modelagens modernas, amplas e até lembrando o estilo grunge do começo dos anos 1990. Nas fotos, da esquerda para a direita, looks de Lilly Sarti, Ellus, Weider Silveiro e Atelier Mão de Mãe, com t-shirt com os clássicos quadrados feitos de crochê.

CROCHÊ

Publicidade
Crochê para várias ocasiões (Fotos: Agência Fotosite/Divulgação)
Foto: Elas no Tapete Vermelho

E por falar em crochê, a técnica manual apareceu ainda com mais força, em looks, vindo para ficar entre as tendências, o que se intensificou ainda mais durante a pandemia. Looks de praia, vestidos e até conjuntos urbanos de jaquetas e calças apareceram nas passarelas do SPFW. Nas fotos, da esquerda para a direita, looks de Atelier Mão de Mãe, Ponto Firme, LED e Atelier Mão de Mãe.

Está gostando da notícia? Fique por dentro das principais notícias
Ativar notificações