Tire a ideia do papel e crie hoje o site para o seu negócio com até 35% de desconto

Marcas de carros francesas e japonesas têm fortes quedas

Citroën, Peugeot, Mitsubishi, Honda e Renault despencam nas vendas na primeira quinzena de outubro; só Volkswagen e Ford subiram

15 out 2021 18h03
Compartilhar
Citroën C4 Cactus X-Series
Foto: Stellantis

A crise está se intensificando na indústria automobilística. Pelo menos cinco marcas registraram forte queda nas vendas da primeira quinzena de outubro. Projetando os emplacamentos dos primeiros 14 dias para os 31 dias outubro, três marcas francesas e duas japonesas apontam para números bem inferiores aos que foram obtidos em setembro.

De acordo com os emplacamentos registrados no Renavam, a projeção de vendas para outubro indicam as seguintes marcas em queda, pela ordem: Citroën (-56,1%), Peugeot (-38,9%), Mitsubishi (-37,5%), Honda (-36,1%) e Renault (-31,4%). Os números do Renavam foram fornecidos pela Bright Consulting. As projeções foram feitas pelo Guia do Carro, baseadas nos números de vendas.

Publicidade

Mais duas marcas apontam queda acima de 25% entre as top 15 do país: Nissan (-28,2%) e Jeep (-25,1%). Numa escala menor, porém com quedas, aparecem a BMW (-19,7%), a Toyota (-17,1%) e a Caoa Chery (-14,2%). Depois, na casa de um dígito de perda, aparecem a Chevrolet (-6,4%), a Fiat (-6,0%) e a Hyundai (-4,1%).

Veja o vídeo do Peugeot e-208 GT no Rio de Janeiro
Video Player

Somente duas marcas do grupo das 15 maiores conseguiram uma projeção positiva para outubro: a Volkswagen (+10,4%) e a Ford (+0,7%). Mesmo assim, a Fiat deve terminar o mês com o 1º lugar, com cerca de 27,2 mil emplacamentos, tendo a Volkswagen em 2º com 23,2 mil. Na média geral, o mercado aponta para um recuo de -11,9% em outubro, ou seja, cerca de 16,9 mil carros a menos em relação a setembro. A previsão de vendas é de apenas 125 mil veículos leves.

Está gostando da notícia? Fique por dentro das principais notícias
Ativar notificações