Tire a ideia do papel e crie hoje o site para o seu negócio com até 35% de desconto

Windows 11 começa a receber apps de Android em parceria com a Amazon

Windows Subsystem for Android será liberado nesta quarta-feira (20) para usuários do programa Insiders que estão com o Windows 11 beta

20 out 2021 17h20
Compartilhar

Um dos recursos mais esperados do Windows 11 está mais perto de se tornar realidade. A versão beta do sistema operacional vai começar a receber o suporte para apps para Android nesta quarta-feira (20). Por enquanto, a novidade só estará disponível para dispositivos elegíveis com processadores Intel, AMD e Qualcomm, apenas nos EUA.

Microsoft Store tem parceria com a Amazon Appstore para distribuir apps de Android para Windows 11
Foto: Divulgação/Microsoft / Tecnoblog

A Microsoft vai liberar uma versão prévia do Windows Subsystem for Android, componente necessário para rodar apps do sistema operacional móvel.

Publicidade

A distribuição dos aplicativos ficará a cargo da Amazon Appstore, loja voltada principalmente para os tablets da linha Kindle Fire -- eles rodam uma versão personalizada do sistema, sem acesso à Play Store. A Amazon Appstore vai ser integrada à Microsoft Store do Windows 11.

Neste início, a Amazon selecionou 50 aplicativos, que serão oferecidos para teste e validação. A lista inclui o Kindle, programas educacionais como Lego Duplo World e Khan Academy Kids e games populares como Lords Mobile e Coin Master.

Apps de Android são bem integrados ao Windows 11

Os aplicativos de Android vão funcionar como qualquer outro programa de Windows: dá para minimizar, rodar ao lado de outros softwares, dar Alt+Tab para alternar janelas, fixar na barra de tarefas — enfim, praticamente tudo que você esperaria de um suporte completo.

Além disso, as notificações são integradas com a Central de Ações, e a área de transferência é compartilhada com o resto do sistema. Muitos dos recursos de acessibilidade do Windows estarão disponíveis. É possível operá-los usando mouse e teclado, mas alguns ficam melhores com touchscreens, para quem tem essa opção.

Publicidade
Apps de Android, Windows e Linux rodam lado a lado no Windows 11
Foto: Divulgação/Microsoft / Tecnoblog

Subsistema tem kernel Linux e Android versão 11

Para rodar os apps de Android, o Windows 11 conta com o Windows Subsystem for Android. Esse subsistema tem um kernel Linux e um sistema operacional baseado no Android Open Source Project (AOSP) versão 11.

Ele roda em uma Hyper-V Virtual Machine -- assim como outro subsistema, o Windows Subsystem for Linux -- e entende como fazer as APIs se entenderem com o ambiente gráfico do sistema da Microsoft e com sensores, memória e dispositivos de entrada e saída do computador.

O subsistema será instalado como parte da Amazon Appstore e receberá atualizações para ficar sempre em dia com as APIs mais recentes e novos cenários de uso.

Aplicativo do Kindle para Android rodando no Windows 11
Foto: Divulgação/Microsoft / Tecnoblog

O componente está disponível para as três principais fabricantes de processadores: Intel, AMD e Qualcomm. A Microsoft também conta que está trabalhando com a Intel para usar a Intel Bridge Technology para conseguir rodar aplicativos que são exclusivos das arquiteturas Arm.

Publicidade

E apesar da parceria com a Amazon, já há relatos de usuários que conseguiram fazer sideloading de APKs -- nome dado ao processo de instalação feito por fora de lojas, diretamente com os arquivos do aplicativo. Mishaal Rahman, ex-editor do site XDA Developers, conta que conseguiu instalar o Firefox para Android em um Realme Book com Windows 11.

?ref_src=twsrc%5Etfw">October 20, 2021

Falta de suporte no lançamento frustrou usuários

A compatibilidade com apps de Android é um dos recursos mais esperados pelos usuários do Windows -- afinal de contas, abre ótimas possibilidades de produtividade e diversão, com mensageiros, redes sociais, games e muito mais, graças ao acesso a um ecossistema bastante consolidado.

No entanto, em agosto, a Microsoft anunciou que os usuários teriam que esperar mais um pouco, porque o recurso não estaria disponível no lançamento do sistema operacional. A expectativa é que a compatibilidade chegue para todos em 2022 -- o lançamento de hoje, ainda bastante limitado, é mais um passo nessa direção.

Com informações: Microsoft, The Verge, Engadget

Publicidade

Windows 11 começa a receber apps de Android em parceria com a Amazon

Fique por dentro das principais notícias de Tecnologia
Ativar notificações