Monte seu e-commerce e divulgue sua marca no Terra

Papa Francisco recebe grupo de bispos brasileiros no Vaticano

Religiosos realizam viagem para visitar túmulos de apóstolos

20 mai 2022 11h40
| atualizado às 11h46
Compartilhar

O papa Francisco recebeu nesta sexta-feira (20) um grupo de 20 bispos e um administrador diocesano do Brasil que estão em viagem ao Vaticano.

Papa Francisco durante um evento em Roma, na Itália
Papa Francisco durante um evento em Roma, na Itália
Foto: ANSA / Ansa - Brasil

De acordo com o portal católico de notícias "Vatican News", a audiência com o líder da Igreja Católica durou por volta de duas horas. Na oportunidade, o Pontífice mencionou a importância de manter a proximidade com Deus.

Publicidade

"O papa Francisco possui um senso muito claro sobre a realidade que o Brasil vive e tem uma opinião clara contra todo tipo de clericalismo. Não houve discursos, foi uma sentada para dialogar como irmãos. Ele nos falou sobre a proximidade com Deus, do bispo com seu clero, com outros irmãos bispos e com o povo", disse dom Paulo Jackson Nóbrega de Sousa, bispo de Garanhuns (PE) e presidente do regional Nordeste 2 da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), em entrevista ao "Vatican News".

Ainda segundo o religioso, o Pontífice conversou sobre catequese, a atenção com as pessoas mais pobres e as consequências provocadas pela pandemia de Covid-19.

A visita dos brasileiros começou na última terça-feira (17), pouco tempo depois do Papa ter recebido um grupo de 23 bispos e arcebispos do Rio Grande do Sul. A CNBB informou que eles fazem parte da regional Sul 3 da instituição e que os membros das regionais do Centro-Oeste e Sul 2 já haviam sido recebidos pelo líder da Igreja Católica.

"Ficou muito clara a coerência entre o que o Papa faz pessoalmente e que os setores da Cúria fazem e seguem este espírito. O papa Francisco teve uma acolhida extraordinária em relação a nós, estava muito feliz, o semblante dele revelava isto, embora com as dificuldades no joelho, mas isto não impediu que ele estivesse à vontade conosco", disse o bispo de Vacaria (RS), dom Silvio Guterres Dutra, ao site da CNBB. .

   

Publicidade
  
Fique por dentro das principais notícias
Ativar notificações