Monte seu e-commerce e divulgue sua marca no Terra

Globo rejeita condições e Bolsonaro não será entrevistado no JN

Emissora afirmou que os candidatos serão tratados em igualdade; presidente queria falar no Palácio da Alvorada

5 ago 2022 - 08h41
Compartilhar
Jair Bolsonaro
Jair Bolsonaro
Foto: Reuters

A Rede Globo informou que rejeitou as exigências do presidente Jair Bolsonaro (PL) para ser entrevistado pelo Jornal Nacional. O noticiário irá entrevistar os candidatos à Presidência da República na semana do dia 22 de agosto.

Para a ocasião, Bolsonaro exigiu, no entanto, que fosse entrevistado direto do Palácio da Alvorada, em Brasília, alegando problemas de agenda.

Publicidade

Em comunicado, a Globo esclareceu que cancelou a entrevista por não poder abrir exceções a um candidato em específico.

“O candidato Jair Bolsonaro (PL) não aceitou as regras da entrevista. Apesar de saber desde as entrevistas do g1 e da GloboNews que as sabatinas seriam feitas nos estúdios da Globo, a assessoria de Jair Bolsonaro (PL), na quarta-feira (3) e na quinta (4), condicionou a concessão da entrevista a que ela fosse realizada no Palácio da Alvorada”.

“Depois das eleições de 2014, porém, a Globo decidiu que sempre realizaria as entrevistas de todos os candidatos à Presidência da República em seus estúdios, de forma a demonstrar que todos os candidatos são tratados em igualdade de condições. A regra não foi contestada pela assessoria de Bolsonaro quando das entrevistas no g1 e na GloboNews. A Globo rejeitou o pedido da assessoria. No fim da noite de quinta-feira, a assessoria de Bolsonaro enviou e-mail reiterando a disposição de conceder a entrevista, desde que ela seja realizada no Alvorada, alegando para isso compromissos de campanha anteriormente assumidos. Diante das regras anunciadas reiteradas vezes, a Globo rejeitou o pedido e, por isso, a entrevista não será realizada”, diz o comunicado.

Na quinta-feira, 4, o senador Flávio Bolsonaro, um dos filhos do presidente, disse que o presidente estava confirmado para a entrevista, o que foi negado pela emissora posteriormente.

Publicidade
Fonte: Redação Terra
Fique por dentro das principais notícias
Ativar notificações