Monte seu e-commerce e divulgue sua marca no Terra

Perigo: fogo e fumaça nas estradas

Julho é o início do período crítico de falta de chuva e da estiagem na maior parte do Brasil e traz o aumento do risco de incêndios às margens das rodovias.

30 jun 2022 - 06h47
Compartilhar

O mês de julho chegou e com ele o período de férias escolares. As viagens mais frequentes ao longo deste mês trazem um aumento do tráfego nas estradas.

Julho também representa o início do período mais crítico de falta de chuva e da estiagem, na maior parte do Brasil. Umas das principais consequências do aumento do número de dias secos, com queda do nível de umidade no ar e no solo, é o aumento do risco de incêndios às margens das rodovias. As queimadas começam a se alastrar pelo Brasil e é comum a fumaça invadir as rodovias reduzindo a visibilidade para os motoristas e pondo em risco a segurança

Publicidade

No estado de São Paulo, de acordo com dados apurados pela CCR SPVias, que administra as principais rodovias do sudoeste paulista, no período entre maio e setembro de 2021, ocorreram 153 focos de incêndio ao longo da malha viária administrada pela concessionária. Esse número é 15% maior que o registrado no mesmo período em 2020, quando foram registrados 133 focos.

Foto: Climatempo

Queimada na beira da estrada (Foto: Getty Imagens)

Importantes rodovias como a Castello Branco (km 129 ao 315), Raposo Tavares (km 115 ao 168) João Mellão (km 237 ao 288), Francisco Alves Negrão (km 222 ao 342), Antonio Romano Schincariol e Francisco da Silva Pontes (km 105 ao 213) fazem parte da administração da CCR SPVias.

Publicidade

Aumento da área de queimadas em 2021

Além da quantidade de pontos de incêndio, o que chama atenção no estudo realizado pela concessionária é a área total de queimadas. Em 2021 foram cerca de 150 mil metros quadrados de vegetação atingida por focos de incêndio, entre maio e setembro. No mesmo período no ano anterior, o fogo consumiu aproximadamente 110 mil metros quadrados de áreas próximas às rodovias, um aumento de 55% no comparativo entre os dois anos.

Operação Corta Fogo

Para alertar os motoristas e comunidades que residem próximo às rodovias sobre os riscos dos incêndios, a CCR SPVias, juntamente com as concessionárias CCR ViaOeste, CCR RodoAnel, CCR AutoBan e Renovias, estão apoiando a Operação Corta Fogo, que é coordenada pela Secretaria de Infraestrutura e Meio Ambiente (SIMA) e direcionada pela ARTESP (Agência de Transporte do Estado de São Paulo) nas rodovias paulistas.

As concessionárias da CCR estão ampliando neste período as ações de prevenção, com reforço no monitoramento das rodovias e veiculação de mensagens nos painéis eletrônicos, chamando a atenção de todos para os cuidados necessários para evitar focos de incêndio. As frases alertam que soltar balões é crime ambiental e orientam para que fumantes nunca joguem bituca de cigarro pela janela dos veículos. Outra recomendação importante é acionar as concessionárias imediatamente ao constatar um foco de incêndio próximo às rodovias.  

Alexandre Neachic, Coordenador de Interação com Cliente, reforça as dicas de segurança para os motoristas evitarem acidentes, ao se depararem com situações de incêndio ou queimada:

Publicidade

"É fundamental em casos de fumaça na pista, que o motorista reduza a velocidade, feche os vidros, posicione o sistema de ventilação na posição recircular e mantenha distância segura do veículo que segue à frente. Nessa situação, o condutor nunca deve parar na pista e jamais ligar o pisca-alerta em movimento".

Principalmente durante os períodos de estiagem, a concessionária posiciona caminhões-pipa em pontos estratégicos para atuar de forma rápida no controle de focos de incêndio. As viaturas de inspeção, guinchos leves e pesados possuem abafadores e as equipes que atuam nestes veículos são treinados para atuar no primeiro combate aos focos menores. Em ocorrências de grande porte é acionado o Corpo de Bombeiros do Estado de São Paulo.

A fumaça de queimadas traz ainda outros transtornos, como piora da qualidade do ar e consequências para a saúde humana, como problemas respiratórios. Além dos riscos para a segurança e saúde de todos, as queimadas causam um grande impacto ambiental, com a degradação de matas, áreas de preservação permanente, nascentes de rios e locais que são abrigos para diversas especiais animais.

Em caso de incêndio próximo às rodovias, a CCR SPVias pode ser acionada pelo 0800 703 5030

Fonte: Grupo CCR

Publicidade
Fique por dentro das principais notícias
Ativar notificações