Tire a ideia do papel e crie hoje o site para o seu negócio com até 35% de desconto

Organizada detona saída de Crespo e cobra "perdão" de Ceni

Principal organizada definiu saída de Crespo como "pior decisão possível", criticou a diretoria e se posicionou contra contratação de Ceni

13 out 2021 17h03
| atualizado às 19h11
Compartilhar

Nesta quarta-feira (13), o treinador Hernán Crespo chegou a um acordo com a diretoria do São Paulo para o término de seu contrato. Com a notícia da saída do argentino, torcedores rapidamente se manifestaram e, minutos após a divulgação do acordo, a 'Torcida Independente', principal organizada do clube tricolor se posicionou contra a decisão.

Rogério Ceni é um dos nomes que podem assumir o São Paulo na reta final do Brasileiro
Foto: Luca Erbes / Futura Press

Em nota feita pela torcida organizada, terminar o vínculo com o treinador Hernán Crespo foi a "pior decisão possível". No texto, críticas duras foram feitas à diretoria, além de repúdio à contratação de Rogério Ceni, ídolo do clube como jogador, que fora anunciada horas mais tarde.

Publicidade
Foto: Paulo Pinto / saopaulofc.net
Foto: Lance!

Confira a nota:

"Crespo caiu.

A pior decisão possível.

O mesmo grupo que entregou um Brasileiro, agora derruba um técnico estrangeiro, cheio de boas intenções e preparadores com o que existe de melhor, em graduação mundial. Era a única vanguarda que existia no time.

Publicidade

Era.

Foi culpado por alguns, que não conhecem os bastidores e não entenderam que o time não corria mais. De novo. Sem contar o DM que não presta, junto da máfia intocável da Barra Funda.

É fácil culpar os gringos!

Bando de vagabundos, o pior grupo da história do São Paulo FC. De experientes a base.

Publicidade

Salvo raras exceções que valorizamos.

O negócio agora é o seguinte.

Volta Rogério Ceni?

Primeira coisa, se acontecer: queremos declaração pública de "desculpa", quando diminuiu nossa torcida diante dos cariocas. Não adiantou puxar o saco, "M1to"?

Publicidade

Agora volta o "ídolo"? Ídolo foi o jogador. O técnico ainda é zero história e deve pedido de perdão.

E poucas, se chegar, só assume se conversar com a torcida antes.

Belmonte é medíocre! Diretorzinho patético. Ou a torcida tem acesso ao diálogo com a diretoria e o elenco paneleiro, ou a cabeça do diretor vai ser pedida, em cada jogo.

Casares? Assume quando a crise do São Paulo?

Publicidade

Vergonha!"

Crespo deixa o cargo com 53 jogos, com 24 vitórias, 19 empates e dez derrotas, um aproveitamento de 57,23% dos pontos disputados. Além disso, o técnico foi campeão paulista de 2021, tirando o clube de uma fila de mais de oito anos

Show Player
Fique por dentro das principais notícias de Futebol
Ativar notificações