Monte seu e-commerce e divulgue sua marca no Terra

Conmebol define arbitragem para os jogos de ida das oitavas da Copa Libertadores

24 jun 2022 - 20h45
(atualizado às 21h06)
Compartilhar

Através de seu site oficial, a Conmebol divulgou na noite desta sexta-feira as comissões de arbitragem responsáveis pelas partidas de ida das oitavas de final da Copa Libertadores. Raphael Claus, Danilo Manis, Rodrigo Figueiredo, Wilton Pereira Sampaio, Bruno Pires e Bruno Boschilia, membros de arbitragem brasileiros escalados para a Copa do Mundo do Catar, são os representantes do país nesta sequência de jogos.

Fazendo o primeiro duelo fora de casa, o Atlético-MG enfrentará o Emelec-EQU na próxima terça-feira no Equador sob o apito do argentino Fernando Rapallini, que terá a assistência dos compatriotas Juan P. Belatti e Diego Bonfa. O árbitro de vídeo ficará por conta de Victor Carrilo, do Peru.

Publicidade

Ainda na terça-feira, o Athletico-PR recebe o Libertad-PAR na Arena da Baixada. A arbitragem do jogo terá o trio venezuelano Alexis Herrera, no apito, Carlos Lopez e Lubin Torrealba, como bandeiras. Jhon Perdomo, da Colômbia, será o VAR.

No confronto entre Corinthians e Boca Juniors-ARG, também na terça-feira, o trio será chinelo. Roberto Tobar apitará, enquanto Christian Schiemann e Cláudio Rios auxiliam. Juan Soto, da Venezuela, comanda o VAR. Já na partida entre Cerro Porteño-PAR e Palmeiras, que ocorre na quarta-feira, o árbitro será Wilmar Roldan e seus assistentes serão Alexander Guzmán e Wilmar Navarro, todos da Colômbia. O árbitro de vídeo fica por conta do argentino Mauro Vigliano.

Também na quarta, o Flamengo enfrenta o Tolima-COL, na Colômbia. No apito fica o venezuelano Jesus Valenzuela e nas bandeiras, Jorge Urrego e Túlio Moreno, ambos também da Venezuela. O VAR será comandado pelo uruguaio Andrés Cunha. Por sua vez, no confronto de quinta-feira, entre Fortaleza e Estudiantes-ARG, no Ceará, o trio de arbitragem será uruguaio. Andrés Matonte fica no apito, enquanto Nicolas Taran e Martin Soppi ficam como auxiliares. Nicolas Gallo, da Colômbia, comandará o VAR.

Brasileiros no apito

O trio formado pelo árbitro Raphael Claus e pelos bandeiras Danilo Manis e Rodrigo Figueiredo serão os responsáveis pelo confronto argentino entre Vélez Sarsfield e River Plate, na quarta-feira. O outro trio brasileiro, que conta com Wilton Pereira Sampaio, no apito, e Bruno Pires e Bruno Boschilia, na assistência, farão o outro jogo sem a presença de equipes do Brasil - Talleres e Colón, ambos da Argentina, também na quarta-feira.

Publicidade

Gazeta Esportiva
Fique por dentro das principais notícias de Futebol
Ativar notificações