Monte seu e-commerce e divulgue sua marca no Terra

Athletico atropela o Red Bull Bragantino e segue no G4 do Brasileirão

Resultado mantém o Furacão forte na briga no topo da classificação; tropeço frustra planos do Massa Bruta de chegar ao G6

25 jun 2022 - 18h53
(atualizado às 20h20)
Compartilhar
Furacão goleou o Red Bull Bragantino pela Série A do Brasileirão (Foto: Divulgação/Red Bull Bragantino)
Furacão goleou o Red Bull Bragantino pela Série A do Brasileirão (Foto: Divulgação/Red Bull Bragantino)
Foto: Lance!

Disposto a seguir no G4 do Campeonato Brasileiro, o Athletico-PR tinha como adversário o Red Bull Bragantino que lutava para encostar nos líderes da competição. E os donos da casa não deram chances ao adversário. Vitória por 4 a 2 e mais três pontos na conta. 

Com o resultado, a equipe comandada por Luis Felipe Scolari chegou aos 24 pontos, ficando na 3ª colocação. Já o time treinado por Maurício Barbieri, por conta do revés, acabou estacionando na 10ª posição com seus 18 pontos, podendo descer alguns degraus na sequência da rodada.

Publicidade

ATHLETICO ABRE O PLACAR NO INÍCIO

Mostrando força jogando sob seus domínios, o Athletico, logo aos 4 minutos, surpreendeu o Red Bull Bragantino. Após cruzamento de Vitor Bueno pela esquerda, Erick, entrando no meio da área, mandou de cabeça para tirar o zero do marcador na Arena da Baixada.

Tentando correr atrás do prejuízo, o Massa Bruta então iniciou sua busca pelo gol de empate logo na sequência. Porém, mesmo conseguindo criar boas chances como as de Artur e Lucas Evangelista, mas em ambas não teve o sucesso esperado para frustração de ambos.

FURACÃO AMPLIA COM MAIS DOIS

Publicidade

Apesar da insistência por parte da equipe de Bragança Paulista, os comandados de Felipão não queriam saber de deixar o rival crescer. Sendo assim, aos 15 minutos, aproveitando corte de Aderlan no cruzamento de Hugo Moura, Orejuela levou a melhor na disputa com Cleiton para marcar o segundo dos donos da casa no jogo.

Embalado pelo momento, o Rubro-negro seguiu melhor. Sendo assim, aos 22, após recuperar a posse de bola no ataque, avançou em direção à área e, aproveitando a falha de Cleiton, viu a bola entrar lentamente para o gol.

MUDANÇAS NÃO SURTEM EFEITO E FURACÃO AUMENTA GOLEADA

Com o técnico Maurício Barbieri apostando em duas trocas, colocando Carlos Eduardo e Alerrandro em campo, o Red Bull, apesar de um melhor início de etapa, em alguns lances esbarrou na falta de pontaria de seus jogadores, além de não conseguir superar o bom sistema defensivo rival.

Publicidade

Aproveitando a fragilidade do momento vivido no jogo pelo Massa Bruta, o Athletico chegou ao seu quarto tento. Aos 21, apostando em um contra-ataque, Hugo Moura mandou uma bomba de fora da área sem chances para o camisa 18.

BRAGA REAGE, MAS ERA TARDE

Com o 4 a 0 no placar a favor do Rubro-negro, o Bragantino ainda mantinha as esperanças em busca de uma reação histórica. Apesar de ter um gol anulado por conta de impedimento, Alerrandro, aos 33, deixou sua marca fazendo 4 a 1.

Alguns minutos depois, aos 36, teve um pênalti a seu favor depois que Miguel foi derrubado na área por Pablo Siles. Em cobrança rasteira, Lucas Evangelista não deu chances ao goleiro Bento, fazendo o segundo do Massa Bruta.

Publicidade

Passado o bom momento, com direito a algumas alterações para gastar o tempo, o Furacão se segurou como pode com direito ao Massa Bruta apostando suas última fichas, com a torcida local mostrando alívio no apito final do árbitro encerrando o duelo na Arena da Baixada.

FICHA TÉCNICA

ATHLETICO-PR 4x2 RED BULL BRAGANTINO

Data e horário: 25/06/2022 - 16h30 (de Brasília)

Publicidade

Local: Arena da Baixada, em Curitiba (PR)

Árbitro: Caio Max Augusto Vieira (RN)

Assistentes: Jean Márcio dos Santos (RN) e Lorival Cândido das Flores (RN)

VAR: Pablo Ramon Gonçalves Pinheiro (RN)

Publicidade

Cartões amarelos: Helinho, 26'/1ºT; Vitor Roque, 13'/2ºT; Khellven, 32'/2ºT; Vitor Bueno, 43'/2ºT; Matheus Babi, 51'/2ºT

Gols: Erick, 4'/1ºT (1-0); Orejuela, 15'/1ºT (2-0); Rômulo, 22'/1ºT (3-0); Hugo Moura, 21'/2ºT (4-0); Alerrandro, 33'/2ºT (4-1); Lucas Evangelista, 36'/2ºT (4-2)

ATHLETICO-PR: Bento; Orejuela (Khellven, aos 30'/2ºT), Matheus Felipe, Nico e Abner; Erick, Hugo Moura (Pablo Siles, aos 30'/2ºT) e Vitor Bueno (Matheus Fernandes, 43'/2ºT); Vitor Roque (Matheus Babi, aos 30'/2ºT), Pedrinho e Rômulo. (Técnico: Luis Felipe Scolari)

Publicidade

RED BULL BRAGANTINO: Cleiton; Aderlan (Andrés Hurtado, aos 22'/2ºT), Léo Ortiz, Natan e Luan Cândido; Raul, Lucas Evangelista e Hyoran (Miguel, aos 22'/2ºT); Artur, Jan Hurtado (Alerrandro, no intervalo) e Helinho (Carlos Eduardo, no intervalo). (Técnico: Maurício Barbieri)

Fique por dentro das principais notícias de Futebol
Ativar notificações