Assessor de imprensa do Atlético-GO diz que foi ameçado e agredido

Álvaro de Castro afirma que seguranças do Fluminense o cercaram quando ele se dirigia à delegacia para prestar queixa contra Felipe Melo

16 jun 2024 - 10h00
Foto: Marcelo Gonçalves / Fluminense FC - Legenda: Felipe Melo empurrou assessor de imprensa do Altético-GO após gol da virada do time goiano no Maracanã / Jogada10

Um incidente incomum ocorreu no fim da derrota do Fluminense por 2 a 1 para o Atlético-GO, sábado (16), no Maracanã, pelo Campeonato Brasileiro. Após o time goiano marcar o gol da vitória, o assessor de imprensa do clube, Álvaro de Castro, invadiu o campo e deu uma cambalhota. A atitude, afinal, irritou Felipe Melo, que empurrou o profissional e acabou sendo expulso. Depois da confusão, tanto o assessor quanto o clube emitiram declarações.

"Oito funcionários do Fluminense me cercaram e fui agredido em outras partes do estádio. Enquanto esperava para ir à delegacia, outros funcionários também me cercaram e disseram coisas como "Aqui é o Maracanã", relatou Álvaro ao site ge.com.

Publicidade

Ainda de acordo com o site, fontes do Fluminense alegam que Álvaro insultou funcionários do clube desde o campo até o túnel de acesso ao gramado, fazendo provocações com frases como "vocês sempre perdem para a gente". As informações também dão conta de que Álvaro foi ao estacionamento onde os clubes embarcam, com presença de seguranças e policiamento gravando vídeos nos quais falava sobre as ameaças.

O Fluminense informou tal fato não aconteceu. Além disso, relata que a segurança esteve presente para garantir a integridade física do assessor, como ocorre em todos os jogos.

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

Fique por dentro das principais notícias de Futebol
Ativar notificações