Flamengo é campeão no sub-17 e Filipe Luís fatura seu primeiro título como treinador

Rubro-Negro venceu o Vasco por 6 a 5 nos pênaltis em São Januário

18 jun 2024 - 07h23

Na última segunda-feira (17), o Flamengo bateu o Vasco nos pênaltis em São Januário e se sagrou campeão da Copa Rio Sub-17. O ex-jogador e agora técnico do Flamengo, Filipe Luís, conquistou seu primeiro título como treinador. Tal feito marca a despedida da categoria sub-17, uma vez que o treinador vai assumir o sub-20.

Foto: Lance!

No último sábado (8), pelo jogo de ida da final, o Flamengo venceu por 2 a 1 a equipe cruzmaltina na Gávea e levou uma vantagem para o jogo de volta. No entanto, a equipe comandada por Filipe Luís perdeu, nesta segunda-feira (17), por 1 a 0 em São Januário no tempo regulamentar. Ainda no primeiro tempo, o atacante Bruno Lopes, de 16 anos, marcou um golaço do meio-campo.

Publicidade

Nas penalidades, o goleiro Léo Nannetti defendeu a cobrança de Breno, capitão do Vasco, e Jhonny acertou o último pênalti que consagrou o time de Filipe Luís campeão.

Enquanto comemorava no gramado o título com seus jogadores, Filipe Luís, em entrevista à FlaTV, se despediu do comando da categoria. Com a ida de Mário Jorge para a Arábia Saudita, o técnico foi convidado pelo departamento de futebol a assumir o sub-20.

- Eu amo esses meninos. Eu juro, eu amo. De paixão eles me fizeram muito feliz nesses seis meses que eu estou com eles. Compraram a ideia. É incrível como eles jogam com a maneira que eu tenho de pensar o futebol. E a nossa sintonia é maravilhosa. E, como você falou do jogo, muito difícil. O time do Vasco, o Ramon, é um grande treinador. Trabalhei com ele no Flamengo. E sabia que nós estávamos enfrentando um dos melhores clubes, Vasco e o Flamengo são os melhores times do Rio de Janeiro. O Vasco é um time muito bem trabalhado, então mais mérito ainda é nossa vitória - comentou Filipe Luís antes de completar:

 Desafio, né? Com muita alegria, aceitei esse desafio que o Clube me propôs. E daqui a pouco eles estão comigo. Falta pouco, faltam seis meses e eles já estão comigo. Então, assim, estou realizado de trabalhar com eles. Aliás, fiquei mais nervoso hoje. E estou muito realizado - finalizou em entrevista à FlaTV.

Publicidade
Fique por dentro das principais notícias de Futebol
Ativar notificações