Monte seu e-commerce e divulgue sua marca no Terra

Porcentagem de defesas difíceis de Cássio indica problemas na defesa do Corinthians

24 mai 2022 08h20
Compartilhar

O goleiro Cássio vem sendo um dos grandes destaques do Corinthians nesta temporada. Apesar de negar ter tido um momento de oscilação no início do ano, seus números recentes mostram uma evolução muito grande. No entanto, isso também pode indicar um ponto negativo: falhas no sistema defensivo.

Segundo o Footstats, 25% das defesas realizadas pelo goleiro foram defesas difíceis, muitas delas próximas ao gol do camisa 12, indicando que a linha à sua frente precisa atuar de uma forma mais organizada para diminuir essa porcentagem, que é a maior em todo o Campeonato Brasileiro.

Publicidade

Para se ter uma ideia, somente no clássico contra o São Paulo, ele somou seis defesas, quatro delas difíceis, com dois cortes e 86% das bolas defendidas. O Corinthians só não foi vazado mais vezes por conta da ótima atuação do jogador, que foi eleito o cara da sétima rodada.

No Brasileirão como um todo, Cássio só ficou fora de um jogo (na derrota por 3 a 0 para o Palmeiras) e, em todo 2022, não foi titular em quatro oportunidades apenas.

Apesar de o goleiro estar se destacando positivamente, isso indica que precisa trabalhar mais porque a defesa não está funcionando bem em alguns momentos.

Apenas para elencar algumas falhas dos zagueiros, já foi possível ver Raul saindo errado da defesa (por exemplo, contra o Boca Juniors, na última semana) e também João Victor errando alguns cabeceios ou cortes. Gil também já deixou a desejar em algumas oportunidades (como no segundo gol do Internacional, pelo Brasileirão, recentemente).

Publicidade

A ausência de Fagner nos últimos cinco jogos por conta de entorse no tornozelo, a escalação do irregular Rafael Ramos em algumas oportunidades e outras alternativas também trazem reflexo à atuação de Cássio, assim como mudanças no esquema tático, que, por vezes, podem não estar 100% treinadas e internalizadas, causando falhas individuais e coletivas.

Parece ser um processo, porém, alguns resultados do Timão estão se ancorando apenas na atuação de Cássio e, às vezes, na própria sorte.

Cássio sofreu uma subluxação no ombro esquerdo no clássico de domingo, passou por exames e não foram constatadas lesões no local. No entanto, ele é dúvida para o duelo contra o Always Ready, na quinta-feira, às 21h (de Brasília), pela última rodada da fase de grupos da Libertadores. As opções são Ivan e Matheus Donelli.

Show Player
Gazeta Esportiva
Fique por dentro das principais notícias de Futebol
Ativar notificações