Monte seu e-commerce e divulgue sua marca no Terra

Herói contra o Boca, Cássio bate nova marca e elogia espírito do Corinthians: 'Todos se dedicaram'

Na classificação na Bombonera, goleiro defendeu duas cobranças de pênalti e chegou à marca de 599 jogos pelo Timão

6 jul 2022 - 00h41
(atualizado às 02h17)
Compartilhar

Na classificação para as quartas de final da Libertadores nos pênaltis contra o Boca Juniors, Cássio viveu mais uma noite histórica pelo Corinthians. Além de ter defendido duas cobranças na disputa por pênaltis, o camisa 12 superou o lateral Zé Maria, ídolo corintiano nas décadas de 70 e 80, e se tornou o 4º atleta com mais partidas pelo clube alvinegro, com 599 jogos.

Cássio defendeu as cobranças de Villa e Ramírez na Bombonera (Foto: JUAN MABROMATA / AFP)
Cássio defendeu as cobranças de Villa e Ramírez na Bombonera (Foto: JUAN MABROMATA / AFP)
Foto: Lance!

Após a partida, o goleiro afirmou que essa foi a sua melhor partida na Bombonera. Ele elogiou a torcida xeneize e valorizou a eficiência da equipe nos pênaltis.

Publicidade

- Joguei algumas vezes aqui, mas penso que esse foi o melhor resultado, uma classificação, eliminar o Boca é muito difícil. Torcida do Boca não tem o que falar, é uma torcida que canta e puxa o jogo todo. Feliz pela classificação e pelo torcedor. Jogamos da maneira que dava, sofremos, e nos pênaltis fomos mais eficientes e saímos com a classificação - disse.

Pelo elevado número de desfalques por lesão, o clube alvinegro teve que jogar de forma mais defensiva. O capitão corintiano valorizou a entrega dos companheiros em campo.

- Tem que ler o jogo e fazer o que dá para fazer. Estávamos com muitos lesionados, que tentaram até o último momento estar aqui, mas não estavam aptos. Lutamos com o que tínhamos, todo mundo se dedicou ao máximo e a recompensa veio - comentou.

Agora, o Timão espera o vencedor do confronto entre Tolima-COL e Flamengo. Cássio não quis apontar o clube alvinegro como um dos favoritos ao título, e disse que a equipe está focada no próximo adversário.

Publicidade

- Nós passamos de fase, muito feliz, mas temos que nos preocupar com o próximo adversário. Continuar trabalhando, se dedicando, temos mais duas competições. Espero que todos os jogadores se recuperem, grupo cheio. Pode ser que a gente enfrente equipes com mais qualidade, mas vontade e dedicação aqui tem bastante - concluiu o goleiro.

Além de mais uma atuação histórica, Cássio tende a se tornar o segundo jogador com mais partidas disputadas pelo Timão ainda em 2022, sendo o primeiro entre os goleiros, ultrapassando Ronaldo Giovanelli. Faltam apenas quatro jogos para que o camisa 12 do Timão consiga o feito.

Top-5 de mais jogos pelo Corinthians na história

Publicidade

1º - Wladimir: 806 jogos

2º - Luizinho: 606 jogos

3º - Ronaldo Giovanelli: 602 jogos

4º - Cássio: 599 jogos

Publicidade

5º - Zé Maria: 598 jogos

O dia 2 de fevereiro de 2022 marcou dez anos da apresentação do goleiro no alvinegro paulista. Desde então, ele se tornou um dos maiores ídolos da história do Corinthians, sendo protagonista nas conquistas da Libertadores e Mundial de Clubes em 2012. Com nove títulos, ele só está atrás de Marcelinho Carioca (10) como recordista de títulos no Timão.

No início da temporada, Cássio teve o seu vínculo com o clube o alvinegro estendido até o fim de 2024. Ele chegou no Parque São Jorge em 2012.

Publicidade

A delegação corintiana volta para São Paulo na madrugada de terça para quarta. Na manhã do dia 6 de julho, o elenco do Corinthians se reapresenta no CT Joaquim para um trabalho regenerativo.

Show Player
Fique por dentro das principais notícias de Futebol
Ativar notificações