Tire a ideia do papel e crie hoje o site para o seu negócio com até 35% de desconto

Verstappen se nega a participar de 'Drive to Survive': "Fingem rivalidades que não existem"

Max Verstappen revelou que não quer participar das gravações de 'Drive to Survive', série que tornou a Fórmula 1 muito popular, por exemplo, nos Estados Unidos

21 out 2021 12h48
| atualizado às 13h12
Compartilhar
Max Verstappen se recusa a participar novamente de ‘Drive to Survive’
Foto: AFP / Grande Prêmio

VERSTAPPEN 'COMPRA' NAMORADA. F1 DETERMINA DRESS CODE. MULHER SENDO TRATADA ASSIM? | TT GP #35

Max Verstappen abriu o fim de semana do GP dos Estados Unidos de Fórmula 1 com uma decisão que promete dar o que falar. O holandês, líder do Mundial de Pilotos com seis corridas para o desfecho da temporada 2021, revelou que não vai mais participar das gravações da série 'Drive to Survive', produzida pela Netflix e que traz bastidores da F1. A atração, que vai para seu quarto ano em 2022, proporcionou à categoria angariar uma nova geração de fãs, muitos deles justamente nos Estados Unidos.

Publicidade

Em entrevista à agência de notícias Associated Press, o piloto da Red Bull disse que tomou a decisão porque a série "falsificaria um monte de coisas" sobre, principalmente, os bastidores da sua batalha contra Lewis Hamilton pelo título, o ponto alto desta temporada 2021. Os dois travam uma rivalidade marcada também por muitas polêmicas, farpas e acidentes, como nos GPs da Inglaterra e da Itália.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

Max Verstappen rejeitou participar novamente de 'Drive to Survive' (Foto: Sedat Suna/Red Bull Content Pool/Getty Images)

"Entendo que isso precisa ser feito para aumentar a popularidade [da Fórmula 1] nos Estados Unidos. Mas, da minha parte, enquanto piloto, não gosto de fazer parte disso", disparou.

Publicidade

"Eles fingiram algumas rivalidades que realmente não existem. Por isso, decidi não fazer parte e não dei mais entrevistas depois disso, porque aí não tem nada que você possa mostrar", comentou Verstappen.

"Não sou realmente o tipo de pessoa que faz espetáculos dramáticos, só quero que fatos e coisas reais aconteçam", acrescentou.

A popular série 'Drive to Survive' aborda detalhes que passam à margem das transmissões num fim de semana normal de Fórmula 1 e procura retratar as entranhas dos bastidores. Guenther Steiner, por exemplo, foi um dos protagonistas da atração ao ser retratado como o caricato chefe da Haas e pela forma como lidou com Kevin Magnussen e, especialmente, Romain Grosjean nos últimos anos.

Outro ponto que chamou a atenção em um dos episódios da segunda temporada foi a 'criação' de uma rivalidade entre Carlos Sainz e Daniel Ricciardo para basear a construção de uma das histórias desenvolvidas na série.

Publicidade

Verstappen queixou-se justamente da forma como muitas histórias são contadas no desenrolar das temporadas de 'Drive to Survive'.

"O problema é que eles sempre vão te posicionar da forma que eles querem, então, o que quer que você diga, eles vão tentar fazer você parecer imprudente ou tentar você… o que quer que se encaixe na história da série", criticou.

"Então, nunca gostei muito disso. Prefiro ter apenas uma entrevista individual com a pessoa que gostaria de me conhecer", complementou.

A Fórmula 1 acelera com o GP dos Estados Unidos neste fim de semana, entre sexta-feira e domingo, no Circuito das Américas. O GRANDE PRÊMIO acompanha tudo AO VIVO e em TEMPO REAL.

Publicidade

OS 30 ANOS DO ÚLTIMO TÍTULO DE AYRTON SENNA NA FÓRMULA 1 | GIRO BR #31

Está gostando da notícia? Fique por dentro das principais notícias
Ativar notificações