Monte seu e-commerce e divulgue sua marca no Terra

Alfa Romeo revela aumento de interesse de patrocinadores após anúncio de Zhou

Fréderic Vasseur falou sobre como o anúncio da chegada de Guanyu Zhou na Alfa Romeo em 2022 abriu um leque de oportunidades de negócio para a equipe de Hinwil

29 nov 2021 04h30
Compartilhar
Com Guanyu Zhou, a Alfa Romeo fechou o grid da temporada 2022 da F1
Foto: UNI-Virtuosi / Grande Prêmio

HAMILTON E O MOTOR APIMENTADO: A ARMA DA MERCEDES NA ARÁBIA SAUDITA

Chefe da Alfa Romeo, Frederic Vasseur abriu o jogo sobre os meses mais recentes da equipe, que esteve nos holofotes por uma possível compra da Andretti e a chegada do chinês Guanyu Zhou como titular para a temporada 2022. O time de Hinwil que leva o nome da marca italiana foi a última equipe a oficializar dupla de pilotos para a próxima temporada. Anteriormente, a esquadra anunciou a chegada do veterano finlandês Valtteri Bottas.

Publicidade

Em entrevista ao site alemão Motorsport Magazin, Vasseur falou sobre como as reuniões com a Andretti, em negócio que terminou em colapso. Frederic revelou como a negociação fracassada acabou adiando a confirmação de Zhou no lugar de Antonio Giovinazzi em 2022.

"Não é segredo que a companhia esteve em conversas com investidores, e isso não mudaria as coisas, mas poderia cirar um novo cenário e adiamos a decisão. Mas depois que as discussões com o potencial investidor foram encerradas, contínuamos. Não teríamos adiado até o último evento da F2. Estivemos em Spa, Sóchi e Monza, depois tivemos conversas com o investidor e o resultado é que adiamos tudo em uma semana", comentou o mandatário.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! .

Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

Publicidade

Guanyu Zhou será piloto da Alfa Romeo em 2022 (Foto: Alpine)

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

A troca de Antonio Giovinazzi por Guanyu Zhou foi recebida por críticas por parte dos fãs, que entendem que a principal motivação da substituição foi financeira. Vasseur falou sobre como a chegada do primeiro piloto chinês na categoria abriu um leque de oportunidades de investimento ao time.

"Acho que é uma grande oportunidade para a companhia. Nas últimas semanas, mais patrocinadores nos procuraram do que nos últimos 25 anos. Para a companhia, para todos os patrocínios (inclusive os atuais), é uma grande oportunidade e vamos nesta direção. Acho que existe muita confusão de onde vai vir o orçamento, mas acho uma grande oportunidade para nós, para a companhia, outras equipes e a F1 em geral. Pode funcionar para mim se Zhou performar na pista, é sempre sobre equilíbrio. Veja o que ele está fazendo na F2 agora. Estou convencido que pode fazer o mesmo na F1", completou.

Publicidade
Está gostando da notícia? Fique por dentro das principais notícias
Ativar notificações