+ 1.000 cursos online para você ser tudo o que quiser.

Trump diz que tarifas de automóveis serão consideradas se não houver acordo com Europa

21 jan 2020 14h23 - atualizado às 14h29
Compartilhar
comentários

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, disse que teve conversas "muito boas" com a União Europeia nesta terça-feira, mas que, se um acordo não for alcançado, Washington considerará fortemente impor tarifas sobre automóveis.

Presidente dos EUA, Donald Trump, durante Fórum Econômico Mundial em Davos, Suíça 21/01/2020 REUTERS/Denis Balibouse
Foto: Reuters

A Casa Branca adiou repetidamente a decisão de impor taxas sobre carros da Europa.

publicidade

A ameaça de Trump de impor tarifas a uma importante exportação europeia provocou uma forte repreensão de autoridades e empresas do continente, que são os principais empregadores do bloco da UE.

"Esperamos poder fazer um acordo com a Europa. E se eles não fizerem um acordo, certamente daremos uma consideração muito forte a isso", disse Trump na reunião anual do Fórum Econômico Mundial em Davos, referindo-se a tarifas.

Mais cedo neste mês, o Washington Post informou que o governo Trump havia ameaçado impor uma tarifa de 25% sobre as importações de automóveis da Europa se Reino Unido, França e Alemanha não acusassem formalmente o Irã de quebrar o acordo nuclear de 2015.

Veja também:

Video Player
BC corta Selic para 3% ao ano
Fique por dentro das principais notícias
Receba notificações
Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
publicidade
Veja também
Últimas notícias